Acesso Rápido

    Split de ações: Aprenda (com exemplos) como ele funciona

    Split de ações: Aprenda (com exemplos) como ele funciona

    Você sabe o que é o split de ações?

    Saber como funciona o split de ações é muito importante para o investidor que aplica em ações na bolsa de valores.

    O que é split de ações?

    split de ações e desdobramento

    O split de ações é o desdobramento do ativo em mais de um papel. Por exemplo, imagine que uma ação custa R$ 100 e vai passar por um desdobramento de 1 para 2. Isto significa para cada uma ação que o investidor possuir, ele terá direito a duas novas. O desdobramento não causa nenhuma mudança na riqueza do investidor. Ou seja, se o investidor tinha uma ação que valia R$ 100 ele terá direito a duas ações de R$ 50 cada.

    A melhor forma de entender o split é imaginar que você tem uma nota de R$ 50 e ela é trocada por 5 notas de R$ 10. Ou seja, não há alteração no seu patrimônio.

    Mas você pode está se perguntando então por que as empresas realizam este split já que não há alterações na riqueza do investidor.

    Este é um questionamento bastante válido.

    O split é realizado, sobretudo, visando aumentar a liquidez do ativo. Ou seja, para permitir um maior número de negócios no ambiente da bolsa de valores.

    Suponha, por exemplo, que uma ação na bolsa custa R$ 950. Tenha em mente que as ações são negociadas em lotes de 100 unidades.

    Portanto, para comprar essas ações o investidor teria que desembolsar a relevante quantia de R$ 95 mil. Este valor, obviamente, é inviável para alguns investidores.

    Principalmente em relação aos pequenos investidores pessoa física.

    Sendo assim, a empresa pode realizar um desdobramento, por exemplo, de 1 para 100.

    Isto significa que a ação irá valer, dessa forma, R$ 9,50 a unidade.

    Portanto, um lote de ação vai passar a custar R$ 950. Pois: 100 x R$ 9,50 = R$ 950. Se tornando, dessa forma, muito mais acessível aos investidores e permitindo, assim, um maior número de negócios na bolsa de valores.

    Exemplo real de split

    Um split, tipicamente, acontece após uma valorização expressiva da empresa no mercado.

    Pois, em uma valorização, a cotação de mercado pode subir a valores muito elevados.

    Um caso como este aconteceu em 2017 com as ações da varejista Magazine Luiza.

    Após uma valorização muito expressiva, as ações da empresa chegaram a valer quase R$ 700.

    Tornando, assim, o valor de um lote completo próximo a R$ 70 mil. Isto, obviamente, prejudicava a liquidez do papel.

    Por isto, a empresa anunciou um desdobramento de 1 para 8 em suas ações. Ou seja, um acionista que tinha 100 ações ficou com 800 ações.

    Isto contribuiu para o aumento da liquidez e para o posterior prosseguimento da valorização da empresa. Em 2018, a companhia figurou entre as maiores altas da bolsa de valores.

    Inplit de ações

    Agora você já sabe o que é um split, mas o que seria um inplit?

    O inplit é exatamente o contrário do desdobramento. Por isso ele é também chamado de grupamento.

    Imagine, por exemplo, que uma ação custo R$ 0,10. Isto prejudica os negócios pois uma valorização de apenas R$ 0,01 representaria um crescimento de 10% no valor da ação.

    Assim, a empresa pode anunciar o inplit de 100 para 1. Ou seja, 100 ações se tornam apenas 1 com o valor de R$ 10 por unidade.

    Fica claro, portanto, como o inplit é o exato oposto do split de ações.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    6 comentários

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *

    • Dias 1 de junho de 2020

      Estou com dúvida no cálculo do lucro pós desdobrsmento. E se depois eu vender as ações. Vamos supor. Comprei 100 MGLU3 preço médio de R$277,55 antes do desdobramento, e depois do desdobramento 1/8, fiquei com 800 ações. Depois eu vendi 400 ações, a preço médio de 34,60. Como fica o cálculo de lucro, após a venda?

      Responder
      • jfk 27 de julho de 2020

        o lucro é em cima do montante de capital investido.

        Responder
    • Henrique Bernardes 24 de agosto de 2020

      O que acontece com o histórico de preços das ações. Eles mudam para se adequar aos gráficos?

      Responder
      • Suno Research 25 de agosto de 2020

        Olá, Henrique! Tudo bem?
        Isso mesmo! Com o split, mais ações estarão disponíveis no mercado e, portanto, sua cotação histórica sofrerá correções.
        Atenciosamente, Equipe Suno.

        Responder
    • Romeu 31 de agosto de 2020

      Mas como fica os valores das ações que compramos?
      Por exemplo eu comprei $1.000,00 (mil reais) da ação XYZ em 31/01/2020 com cotação de $100,00 por ação, depois comprei mais $500,00 por $50,00 em 05/03/2020.
      Ocorreu um split no dia 31/08/2020 de 1 para 5. Como possuo 20 ações, elas viraram 375 com o novo preço de $65,00 por ação.
      Então como será calculado o meu ganho passado? Os $1.500 ficam como?

      Responder
      • Suno Research 1 de setembro de 2020

        Olá, Romeu. Tudo certo?
        Os seus ganhos passados serão mantidos da mesma maneira. Agora você apenas tem mais ações, mas isso não implica necessariamente em uma mudança na sua rentabilidade.
        Atenciosamente, Equipe Suno.

        Responder