Por: Tiago Reis

Radar do Mercado: Valid (VLID3) divulga resultados trimestrais

A Valid foi amplamente impactada pela Covid-19 no período. Em relação ao 2T19, houve uma retração de 10,5% na receita, que atingiu R$ 414,6 milhões. Cerca de 61% da receita foi originada no exterior, e aproximadamente 39% do Brasil.

A divisão mais impactada foi a de Identificação, com a emissão de documentos interrompida no Brasil e nos Estados Unidos, o que levou a uma queda de 63,5% na receita ante o 2T19.

Por outro lado, a desvalorização do câmbio favoreceu a companhia, e a receita líquida advinda do exterior sofreu uma redução de somente 1,3% na comparação com o mesmo período do ano anterior.

A divisão de Meios de Pagamento viu sua receita líquida crescer 22,1% (vs. 2T19), amparada pela desvalorização do real. A divisão de Mobile apresentou recuo de 27,2% na sua receita líquida em relação ao 2T19.

Em maio, a Valid adquiriu a startup Estacionamento Digital, que presta serviço de gestão de vagas públicas em três capitais e em outras 21 cidades.

O resultado financeiro foi negativo em R$ 11,01 milhões, com efeito positivo de juros e variação cambial de R$ 6,1 milhões.

O Ebit da companhia foi de R$ 29,9 milhões, e o prejuízo líquido reportado no período foi de R$ 6,3 milhões, ante um lucro de R$ 148,1 milhões no 2T19. O bottom line foi impactado por um impairment de R$ 125 milhões referente a ativos da operação de Data nos Estados Unidos.

O caixa da companhia encerrou em R$ 524,1 milhões, impactado positivamente por uma captação de empréstimo de R$ 402,9 milhões. Proventos de R$ 22,2 milhões foram distribuídos na forma de juros sobre capital próprio. A geração de caixa operacional foi positiva em R$ 66,8 milhões.

A dívida bruta encerrou em R$ 1,237 bilhão; a dívida líquida, em R$ 679 milhões. Por sua vez, a dívida líquida/Ebitda no final do 2T20 era de 3 vezes. A dívida em dólares representa 53% do total.

Para saber mais sobre os resultados de outras empresas, clique aqui e confira a agenda completa de resultados do segundo trimestre de 2020 (2T20).

Telegram Suno
Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

Nenhum comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Mais...
Outras Seções

Ações

208 artigos
Ações

FIIs

58 artigos
FIIs
navigation

Conteúdo Gratuito

Radar do
Mercado

Os principais fatos relevantes do mercado, comentados no seu e-mail diariamente

Group 285

NÃO VÁ EMBORA AINDA..

O portal que vai te ajudar a começar
a investir.

Todos os conteúdos gratuitos 
da Suno em um só lugar!