Acesso Rápido

    Radar do Mercado: Totvs (TOTS3) prorroga oferta pela Linx (LINX3) e crítica administração da empresa

    Radar do Mercado: Totvs (TOTS3) prorroga oferta pela Linx (LINX3) e crítica administração da empresa

    A Totvs (TOTS3) comunicou, por meio de fato relevante, que aprovou a prorrogação de sua proposta de combinação de negócios com a Linx (LINX3) até 17/11/20.

    Segundo a previsão da companhia, a combinação dos negócios poderia gerar sinergias operacionais de aproximadamente R$ 3,2 bilhões, com a redução dos custos operacionais em R$ 60 milhões por ano – presumindo sua captura de 50% no primeiro ano, 75% no segundo ano e 100% no terceiro ano, além de outros fatores.

    Recentemente, o conselho de administração da Linx avaliou a proposta da Totvs, afirmando que existiam alguns problemas caso a proposta fosse aceita. Dessa forma, acabou recomendando que seus acionistas aprovassem a proposta oferecida pela Stone – que também busca a aquisição.

    Planilha de Controle de Gastos

    Não perca o controle das suas finanças! Baixe nossa planilha gratuita de controle de gastos e organize melhor toda a sua vida financeira!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Nesse sentido, a Totvs aproveitou para tecer diversas críticas ao conselho de administração da Linx, rebatendo ponto a ponto os supostos problemas levantados, inclusive questionando a idoneidade dos conselheiros independentes – por supostamente favorecerem a proposta da Stone.

    Segundo a Totvs, “a ausência de transparência e esse modus operandi de suprimir a possibilidade de escolha pelo acionista da Linx tem sido prática reiterada pela administração da Linx”.

    A Totvs rejeitou os argumentos dados pela diretoria da Linx de que as potenciais sinergias de uma fusão não eram possíveis de serem analisadas, trazendo provas da existência dessas.

    Além disso, a Totvs rejeitou que sua proposta traria maior dificuldade de aprovação no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), reafirmando que se compromete a pagar uma multa no valor de R$ 100 milhões caso o referido conselho não aprove a potencial transação.

    Por fim, a Totvs reiterou o seu compromisso de realizar antecipadamente a assembleia geral dos seus acionistas, de forma a submeter e ter sua proposta previamente aprovada – antes mesmo da assembleia geral dos acionistas da Linx.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *