Acesso Rápido

    Radar do Mercado: Aliansce Sonae (ALSO3) sobre novo programa de recompra de ações

    A companhia informou que irá recomprar até 5,316 milhões de ações ordinárias nominativas, sem valor nominal de emissão da empresa e sem redução de seu capital social. Atualmente, isso representa 3,9% das ações ordinárias da companhia em circulação no mercado.

    O programa de recompra visa o investimento dos recursos disponíveis da empresa para maximizar a geração de valor para os acionistas, bem como para fazer frente às obrigações da companhia decorrentes do plano de incentivo de longo prazo atrelado as suas ações.

    Adicionalmente, a companhia poderá utilizar as ações para permanecer em tesouraria e posterior alienação e/ou cancelamento.

    E-book: 10 Perguntas e Respostas sobre o IR na Bolsa

    Chega de dúvidas! Conheça a resposta das 10 perguntas mais comuns dos investidores sobre o Imposto de Renda na Bolsa de Valores.

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    A aquisição será realizada na bolsa de valores, a preço de mercado, cabendo à Diretoria Executiva decidir o momento e a quantidade de ações a serem adquiridas, respeitando os limites previstos na regulamentação aplicável.

    A empresa informou que terá o prazo máximo de 365 dias, a partir de 24/06/20, ou seja, até 24/06/21.

    O programa será intermediado por Itaú BBA, BTG Pactual e JPMorgan.

    Os programas de recompra de ações são comuns em momentos em que o conselho de uma companhia acredita que os papéis estão baratos e podem voltar a se valorizar.

    Desde o início do ano, as ações da Aliansce Sonae (ALSO3) acumulam uma desvalorização de 41%, com o preço atual (data de fechamento de 24/06/2020) de R$ 28,50.

    Tags
    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *