Por: Tiago Reis

Radar do mercado: B3 (B3SA3) apresentou seus resultados referentes ao segundo trimestre de 2019

Na última sexta-feira (09), a B3 S.A. – Brasil, Bolsa, Balcão apresentou, ao mercado e aos seus acionistas, os resultados referentes ao segundo trimestre de 2019.

Na apresentação, a empresa destacou um Average Daily Trading Volume (ADTV), ou volume médio diário de negociação, no valor de R$ 14,7 bilhões no mercado à vista de ações e um Average Daily Volume (ADV) de R$ 3,9 milhões no mercado de derivativos listados.

Outro destaque apresentado pela B3 foi o aumento de 14% na receita total no segundo trimestre de 2019 em comparação ao 2T18. Além disso, houve aumento de 2,9% no EBITDA recorrente, apesar disso, houve queda de 735 pontos-base na Margem EBITDA, que atingiu 70,3%.

 

A B3 informou, no documento, o aumento da relevância do mercado de capitais local no financiamento das empresas brasileiras.

Isso se deveu sobretudo à queda da taxa de juros no Brasil, à busca dos investidores por maior diversificação dos seus portfólios, à redução do volume de desembolsos feitos pelo BNDES e outros bancos públicos, além de sinais de maior disposição dos grupos empresariais em revisitar suas estruturas acionárias.

Por outro lado, a bolsa apresentou um desempenho positivo de 25,6% no segmento de ações e instrumentos de renda variável, que representa 40,3% de sua receita total.

Esta variação é resultado de um crescimento de 22,1% no volume médio diário de negociação (ADTV).

Acompanhando os crescimentos da B3, a sua linha de infraestrutura para financiamentos, que compõe 10,3% da receita total, apresentou um crescimento de 35,8%, influenciado, principalmente, pela alta no número de veículos financiados e pela aquisição da empresa Portal de Documentos.

Por outro lado, a despesa ajustada da B3 sofreu variação positiva de 5,3%, impactada, principalmente, pela elevação de gastos com serviços de terceiros, em função de gastos relacionados a projetos.

Aprenda a Investir em Dividendos

As despesas de pessoal e de processamento de dados, quando somadas, totalizam R$ 198,6 milhões, equivalentes a cerca de 83% do total de despesas.

Com relação aos destaques financeiros, a B3 apresentou um caixa próprio de R$ 7,57 bilhões ao final do 2T19, uma variação positiva de 33,1% em relação ao mesmo período do ano anterior.

A alavancagem financeira da empresa está no patamar de 1,5x, de modo que sua dívida bruta alcançou o total de R$ 5,49 bilhões no 2T19, com um EBITDA recorrente dos últimos 12 meses de R$ 3,65 bilhões.

Por último, o lucro líquido atribuído aos acionistas da companhia terminou o segundo trimestre de 2019 no total de R$ 654,8 milhões, configurando uma variação negativa de 9,6% em relação ao 2T18.

A B3 – Brasil, Bolsa, Balcão é uma das maiores empresas provedoras de infraestrutura para o mercado financeiro do mundo, em valor de mercado. Criada em março de 2017, a partir da combinação de atividades da BM&F BOVESPA, bolsa de valores, mercadorias e futuros, com a CETIP, empresa prestadora de serviços financeiros no mercado de balcão organizado.

Atualmente, oferece serviços de negociação (bolsa), pós-negociação (clearing), registro de operações de balcão e de financiamento de veículos e imóveis.

Dentre os produtos listados em bolsa, a B3 desenvolve, implanta e provê sistemas e serviços de negociação e pós-negociação, além de prezar pela excelência operacional, tecnológica e de gestão de risco, exercendo o papel de fomentar os mercados em que atua.

A B3 é uma sociedade de capital aberto e seu capital social é tal como mostrado abaixo.

Por fim, acreditamos que os resultados apresentados pela B3 continuam mostrando a sua capacidade de geração de valor no longo prazo.

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

3 comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Leonardo 12 de agosto de 2019

    Obrigado pela excelência na informação!
    Leonardo – Florianópolis.

    Responder
  • Jefferson 12 de agosto de 2019

    Muito obrigado pelas informacoes

    Responder
  • Jefferson 12 de agosto de 2019

    Se o conteúdo é pago, não deveria ter propaganda de cursos da própria Suno no meio do Relatório.

    Responder
Leia Mais...
Outras Seções

Ações

207 artigos
Ações

FIIs

53 artigos
FIIs
navigation

Conteúdo Gratuito

Radar do
Mercado

Os principais fatos relevantes do mercado, comentados no seu e-mail diariamente

%d blogueiros gostam disto: