A BrasilAgro – Companhia Brasileira de Propriedades Agrícolas – informou ontem (21) aos seus acionistas e ao público em geral, que celebrou Compromisso de Venda e Compra em uma área total de 103 hectares (úteis) da Fazenda Alto Taquari.

Segundo o informado pela companhia, o valor da venda foi de 1.100 sacas de soja por hectare útil ou R$8,0 milhões (~R$77.690/ha útil), sendo que o comprador realizou pagamento inicial de 22.656 sacas de soja no valor de R$1,5 milhão, ficando assim um saldo remanescente que será pago em oito parcelas a serem pagas em quatros anos, sendo duas parcelas por ano.

A companhia destacou, ainda, que do ponto de vista contábil, o valor desta área da fazenda nos livros da companhia é de R$1,2 milhão (aquisição + investimentos líquidos de depreciação) e tem uma TIR (Taxa Interna de Retorno) esperada em Reais de 22,3%.

 

No que diz respeito à operação acima destacada, é válido mencionar que a referida propriedade rural (Fazenda Alto Taquari) fica localizada no Município de Alto Taquari – MT e foi adquirida em 2007 e possuía uma área total de 5.394 hectares (3.774 hectares úteis), restando 5.260 hectares (3.671 hectares úteis) no portfólio após esta venda.

Ainda no que tange a transação, a mesma se insere na estratégia de negócios da companhia, que objetiva, além de ganhos com produção agrícola, a realização de ganhos de capital com a venda das propriedades e, dessa maneira, a venda desta área da Fazenda Alto Taquari é de grande relevância para a BrasilAgro, pois confirma o potencial da região e a sua capacidade de criação e captura de valor no desenvolvimento de propriedades agrícolas.

No que diz respeito a sua operação, a BrasilAgro é uma das maiores empresas brasileiras em quantidade de terras agricultáveis e com foco na aquisição, desenvolvimento, exploração e comercialização de propriedades rurais com aptidão agropecuária.

Atuando nesse sentido, a companhia adquire propriedades rurais as quais acredita ter significativo potencial de geração de valor por meio da manutenção do ativo e do desenvolvimento de atividades agropecuárias rentáveis.

A partir do momento da aquisição de tais propriedades rurais, a empresa busca implementar culturas de maior valor agregado e transformar essas propriedades rurais com investimentos em infraestrutura e tecnologia, além de celebrar contratos de arrendamento com terceiros.

De acordo com essa estratégia, quando a sua gestão julga que as propriedades rurais atingiram um valor ótimo, tais propriedades rurais são alienadas para a realização de capital, conforme observado no operacional em relação a Fazenda Alto Taquari.

Nesse sentido, o seu plano de negócios contempla a valorização de suas propriedades rurais como o seu principal vetor de retorno financeiro e, baseado nessa visão, pode-se entender que o valor de uma propriedade rural está diretamente relacionado à geração de caixa por unidade de área.

Dessa maneira, é preciso que se maximize o retorno sobre os investimentos por meio de identificação, aquisição, desenvolvimento e exploração de propriedades rurais com alto potencial de valorização; e otimização do rendimento e da produtividade de suas propriedades rurais por meio da implementação de tecnologia e técnicas agrícolas de excelência.

Ainda, é preciso que exista uma gestão ativa em suas operações, combinando retorno imobiliário e operacional, mas mitigando riscos climáticos e de culturas através da diversificação geográfica e produtiva de suas propriedades rurais.

Entretanto, mesmo atuando nessa conjuntura, a companhia apresenta, ao longo de sua história, números inconsistentes e seus resultados.

Isso nos leva e crer que o negócio de fazenda é bastante complexo, pois é necessário um investimento bastante alto em terras, e o retorno, geralmente, é de um digito sobre o capital investido.

Além disso, o custo de manter uma empresa aberta pesa bastante no processo de avaliação desse tipo de empreendimento.

Isto posto, achamos ser uma decisão mais prudente nos manter de fora da BrasilAgro por entendermos que existem oportunidades mais rentáveis no mercado, mesmo sabendo que a companhia atua em um segmento que é historicamente de bastante vocação no Brasil.

Compartilhe a sua opinião
Tiago Reis

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.