Nasdaq Composite

Dentro do mercado de capitais norte-americano, o Nasdaq Composite é um dos índices mais procurados por todos os investidores e analistas financeiros presentes nesse país e em várias partes do mundo.

Podemos dizer que o Nasdaq Composite é o índice ponderado pela capitalização de mercado de mais de 3.300 ações ordinárias listadas na bolsa de valores Nasdaq.

Juntamente com o Dow Jones Average e o S & P 500, esse é um dos três índices mais seguidos do planeta. A composição desse índice é destacadamente ponderada em favor de empresas de tecnologia da informação.

Em sua composição é possível observarmos a existência de REITs (fundos de investimento imobiliários), ADRs e diversos tipos de ações ordinárias além de interesses em parcerias limitadas.

História do índice Nasdaq Composite

O lançamento desse índice aconteceu no ano de 1971, inicialmente operando com 50 empresas que totalizaram um valor inicial de 100. O pico do Nasdaq ocorreu em 10 de março de 2000, data onde o mesmo atingiu os 5.132 pontos.

Na data em que o índice atingiu o seu pico, o mercado americano estava vivenciando a chamada bolha da internet. O seu “estouro” fez com que o índice caísse para 1.108 pontos em 10 de outubro de 2002.

Outra grande crise vivenciada pelo índice ocorreu no ano de 2008, em especial quando o extinto banco de investimentos Lehman Brothers veio a falência, levando consigo todos os mercados financeiros mundiais.

Essa ultima recessão fez com que o índice saísse de 2.300 pontos vistos em 6 de fevereiro de 2008 para um mínimo de 1.265 pontos em 9 de março de 2009. Após isso, o mercado americano como um todo se recuperou sob a influencia do Federal Reserve e a sua política de flexibilização quantitativa.

Metodologia para a formação do Nasdaq Composite

Metodologia para a formação do Nasdaq CompositeEsse índice utiliza uma metodologia de ponderação de capitalização de mercado. Ou seja, o valor do índice é igual ao valor total dos pesos das ações de cada um dos títulos que o compõe, multiplicado pelo último preço de cada título.

O índice Nasdaq é calculado continuamente ao longo do dia de negociação, já que a sua atualização é feita uma vez por segundo, sendo o valor final reportado sempre às 16h16 de cada dia de negociação.

Para ser elegível para integrar o Nasdaq Composite, os títulos devem ser dos seguintes tipos:

  • Estoques de rastreamento;
  • Ações de Juros Benéficos (SIBs);
  • Fundos de investimento imobiliário (REIT);
  • Ações ordinárias;
  • Interesses em parcerias limitadas;
  • American Depositary Receipts (ADRs).

Debêntures, fundos fechados, fundos negociados em bolsa, ações preferenciais e títulos derivativos dos mais variados tipos não podem ser incluídos no índice.

Importante salientar que à medida que um título não atenda aos requisitos de elegibilidade do Nasdaq, ele pode ser removido a qualquer momento do índice.

Quando ocorrem alterações no preço das ações corporativas oriundas de eventos como desdobramentos ou dividendos, a correção sempre será feita na data de expiração do fato.

Por fim, podemos concluir que o Nasdaq Composite é um índice bastante amplo e reconhecido dentro dos mercados financeiros internacionais. A sua utilidade serve muito de parâmetro para entendermos a performance das companhias ligadas à tecnologia de maneira geral.

Compartilhe a sua opinião
Tiago Reis

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.