Despesas Financeiras

As despesas financeiras exercem um papel fundamental dentro de uma estrutura de Demonstrativos de Resultados de Exercício (DRE) de uma empresa.

Assim sendo, saber as principais peculiaridades a respeito das despesas financeiras de um negócio e a sua ligação direta com o seu grau de alavancagem financeira é muito importante para um investidor de valor.

As despesas financeiras representam o preço a ser pago por um empreendimento aos seus credores e são relativas aos juros provenientes de empréstimos contraídos pelo negócio, independentemente de qual seja, de fato, o intuito dessa dívida.

Logo, essa linha presente na grande maioria dos DRE’s possui uma relação direta com o nível de endividamento de uma empresa.

Despesas Financeiras – Exemplo

Para uma maior compreensão desse termo, tome-se como exemplo de despesas financeiras o caso da DRE referente ao 1T18 da empresa Unipar Carbocloro.

A Unipar Carbocloro é uma companhia que possui atividades preponderantes nas seguintes verticais:

  • Fabricação de cloro;
  • Derivados de cloro;
  • Soda cáustica;

A empresa é ainda a acionista controladora da Unipar Indupa S.A.I.C., empresa argentina produtora de PVC (policloreto de vinila), soda cáustica e cloro na Argentina e no Brasil.

As ações da Unipar estão listadas na B3 – Brasil, Bolsa e Balcão e são negociadas através dos tickers UNIP3, UNIP5 e UNIP6.

Despesas Financeiras da Unipar Carbocloro

Acima, é possível visualizar a demarcação da linha referente aos referenciados custos relativos aos compromissos financeiros da Unipar feitos até o período anterior ao primeiro trimestre de 2018.

Nessa altura, é interessante mencionar que, no mesmo período utilizado no exemplo acima, o saldo de Dívida Líquida Consolidada da companhia era de R$ 352,3 milhões.

Despesas Financeiras proveniente da dívida da Unipar Carbocloro

Percebe-se, com isso, que de fato existe bastante coerência no fato de uma companhia apresentar, em suas DREs, o saldo de custo proveniente dos juros atribuídos a seus compromissos financeiros.

Uma peculiaridade sobre as despesas financeiras

É importante destacar, aqui, que a Unipar, além dos custos provenientes da sua dívida, possui também receitas financeiras.

Isso se explica pelo fato da empresa possuir um montante relevante de seu caixa destinados a aplicações financeiras.

Como todo e qualquer tipo de investimento feito com coerência no mercado financeiro, a Unipar também colhe os justos frutos dessas aplicações.

Em sua DRE, essa “rentabilidade extra” recebe o nome de Receitas Financeiras.

Despesas Financeiras Contabilidade

Conforme foi possível perceber no exemplo da Unipar, as despesas financeiras na contabilidade apresentam um papel relevante.

Por conta disso, o nível de alavancagem de uma empresa deve ser observado com bastante atenção e cautela por parte de um investidor interessado em uma associação de longo prazo em um negócio.

Dívidas são uma das principais causas de mortalidade das companhias, e a sua influência na lucratividade dos negócios precisa ser sempre levada em consideração.

Assim sendo, fica fácil entender que, quanto maior a dívida de uma empresa, maior serão os custos provenientes desses compromissos e, portanto, maior será o impacto dessa obrigação em seus resultados.

Conclusão

Já disse certa vez ninguém menos que Warren Buffett:

“Contabilidade é a língua dos negócios.”

Por conta disso, avaliar com meticulosidade a saúde financeira de um negócio através dos seus balanços contábeis é extremamente importante para um investidor de longo prazo.

Neste sentido, a avaliação da qualidade de uma dívida, assim como o seu impacto na linha de despesas financeiras em sua DRE precisa ser uma atitude praticamente automática a ser tomada por toda e qualquer pessoa interessada por investimentos de valor.

Compartilhe a sua opinião
Tiago Reis

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.