CMV
Por: Tiago Reis

CMV: o que é e como funciona o Custo de Mercadoria Vendida?

O CMV é um indicador empresarial que é de interesse para investidores. Isso porque traz dados para cálculos usados na análise fundamentalista de negócios.

Do ponto de vista gerencial, o CMV é importante para fazer a gestão do empreendimento de modo a administrar a lucratividade da operação.

O que é CMV?

CMV é a sigla para Custo de Mercadoria Vendida, e representa os valores empregados nas operações de comercialização de produtos durante um determinado período.

Contabilidade para Investidores

Este é um importante aliado para a gestão de empresas que lidam com estoques de mercadoria. Isso porque o indicador integra cálculos que dão a noção da rentabilidade da operação, como o lucro bruto. Também pode ser usado para a apuração da margem de contribuição de produtos vendidos.

Como calcular o CMV?

Para fazer o cálculo do índice é preciso determinar o período que será analisado. Se for um mês, é necessário calcular a diferença no estoque entre o início e o final do mês, e somar o que foi adquirido no período. Sendo assim, a fórmula do CMV é dada por:

  • CMV = Ei + C – Ef

Onde:

  • Ei = estoque inicial;
  • C = compras feitas no período analisado;
  • Ef = estoque final.

Tome-se como exemplo uma loja de colchões. Supondo que tenha um estoque inicial 50 produtos no início do mês, a um custo de estoque total de R$ 50 mil. Ao longo do mês, o proprietário da loja comprou outros 20 colchões por R$ 20 mil. No final do mês, restaram 10 unidades, avaliadas em R$ 10 mil . Nesse caso, o CMV do período seria de R$ 60 mil.

Quer saber mais sobre o que dizem os indicadores de uma empresa? Faça o minicurso de contabilidade para investidores da Suno.

Valuation e precificação de ativos

A importância do indicador

É possível avaliar a qualidade de gestão de uma empresa com o Custo de Mercadoria Vendida. Quando um valor alto é usado para manter o estoque, há menos capital de giro da empresa.

Assim, o negócio tem menos dinheiro para outros fins que trariam impacto financeiro para a empresa, como investimentos e para contratar funcionários.

O indicador de Custo de Mercadoria Vendida também pode ser uma ótima sinalização para uma empresa melhorar o controle de estoque de mercadoria.

Como diminuir o CMV de uma empresa

A melhor forma de diminuir o Custo de Mercadoria Vendida é com uma boa gestão do estoque da empresa. Isto é, quanto mais tempo um produto fica estocado, maior o gasto. Mas há algumas formas de melhorar a gestão de estoque. Por exemplo:

  • Inventário Rotativo: Há programas que sorteiam aleatoriamente produtos do estoque para serem checados
  • Mapeamento e Integração de processos e operação: É possível ter uma ideia de quais produtos saem mais, organizar melhor a compra e evitar a falta;
  • Programação de compras: Um calendário de aquisições ajuda na gestão de estoque.

Outro ponto importante da gestão de estoques, para empresas que lidam com produtos perecíveis, é sobre a validade dos itens. Esse controle é feito para evitar perdas por deterioração da mercadoria.

Foi possível saber mais sobre CMV com este artigo? Deixe suas dúvidas nos comentários a seguir.

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

Nenhum comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Mais...
Outras Seções

Ações

205 artigos
Ações

FIIs

52 artigos
FIIs

CHEGOU A

ACESSE E DESCUBRA AS OFERTAS IMPERDÍVEIS QUE PREPARAMOS PARA VOCÊ!

não perca tempo! As ofertas terminam em:

DIAS
 HOR
 MIN
 SEG

CLIQUE NO BOTÃO ABAIXO PARA DESCOBRIR: