assimetria de informação
Por: Tiago Reis

Assimetria de informação: entenda como funciona essa falha de mercado

O livre mercado é a melhor forma já criada para alocar recursos com máxima eficiência. Porém, nem sempre esse sistema é perfeito. Na verdade, o mercado possui várias falhas — e uma das principais delas é a chamada assimetria de informação.

A assimetria de informação está presente diariamente na economia, nos mais variados negócios e setores. Você, muito provavelmente, lida com a assimetria de informação corriqueiramente.

O que é a assimetria de informação?

A assimetria de informação é o nome que se dá para quando uma das partes possui mais informações acerca de um produto ou serviço do que a outra parte. Considerada uma falha de mercado, a assimetria pode informação pode ocasionar desequilíbrios no mercado e posteriormente a negócios serem cancelados.

Este fenômeno se faz presente em diversas situações no cotidiano de todos nós. Algumas delas, inclusive, acontecem no próprio mercado de capitais.

O conceito de assimetria de informação na economia

assimetria de informação e mercado competitivo

A assimetria de informação é um conceito relativamente novo na economia. A concepção inicial aceita, propagada pela economia clássica, e que o livre mercado funcionaria sempre em um modelo de concorrência perfeita.

Isto é, os mercado seriam totalmente eficazes e todos os lados envolvidos, compradores e vendedores, teriam 100% das informações disponíveis.

Porém, atualmente a maioria dos economistas concordam que existe no mercado a informação assimétrica. A microeconomia vem estudando o tema mais a fundo recentemente, afirmando que essa situação traz impactos diretos nas relações comerciais.

Por isso, o idealismo de um mercado competitivo perfeito está sendo cada vez mais deixado de lado pela literatura econômica. Em seu local, os estudiosos passaram a reconhecer a existência de falhas de mercado.

Exemplos de informação assimétrica

Os maiores exemplos da informação assimétrica são os casos de seleção adversa e risco moral.

Seleção adversa

A seleção adversa ocorre quando não é possível diferenciar os bons produtos dos ruins.

Imagine, por exemplo, uma venda de carros usados. Existem os carros usados em bom estado e os em um estado ruim.

Porém, só os vendedores conhecem o real estado dos veículos. Os compradores não o sabem.

O que acontece, então, é que o preço de venda do veículo será um preço médio. Isto é, o valor será acima do valor do carro ruim e abaixo do valor do carro bom.

Isto, ao longo do tempo, irá expulsar os vendedores dos bons carros. Fazendo que o preço se torne menor para os vendedores dos carros ruins.

Uma solução para este problema esta no oferecimento de sinalizações — isto é, algo que comprove que um produto é melhor que o outro. Um exemplo típico de sinalização é a garantia.

Produtos de boa qualidade tendem a oferecer maiores prazos de garantia — logo, uma sinalização nesse sentido tende a demostrar para o consumidor a qualidade do produto e acabar com o problema da informação assimétrica.

Risco moral

O risco moral é o nome que se dá para quando as pessoas mudam a sua atitude em face a uma transação econômica.

Por exemplo, suponha que você comprou um novo carro e que ele ainda não possui seguro.

Você, então, irá dirigir com um imenso cuidado. No entanto, após contratar um seguro, você pode se sentir mais relaxado e dirigir de forma menos precavida. Logo, este é o risco moral que a seguradora corre e precisa estimar na hora de firmar o seu contrato.

Como lidar com a assimetria de informação?

Mesmo com todas essa situações, as falhas ocasionadas pela assimetria de informaçãosão, muitas vezes, simples de serem corrigidas. Inclusive, mediante ao surgimento de novas empresas e a ampliação no acesso a informação, a tendência é que esse desequilibro vá deixando de existir.

No mercado financeiro, por exemplo, a publicação obrigatória de demonstrações financeiras traz mais transparência e reduz, de certa forma, a assimetria de informação entre uma companhia e os seus investidores. Isso permite que o mercado avalie e precifique melhor a empresa, estabelecendo um valor mais justo para sua ação. Para saber mais, acesse o nosso minicurso gratuito Valuation e precificação de ativos e aprenda em detalhes tudo sobre esse processo.

 

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

3 comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Bruno 5 de abril de 2020

    Olá Tiago, favor corrigir um erro de digitação nesta página “assimetria de informações”.

    Em […] “Seleção adversa” A seleção adversa ocorre quando não é possível diferenciar os bons produtos dos bons. […]

    A palavra “bons” está digitada duas vezes na mesma sentença, acredito que o correto seja “ruim” na última palavra. Obrigado!

    Responder
    • Suno Research 8 de abril de 2020

      Olá, Bruno!
      Muito obrigado pela importante observação!
      O texto já foi corrigido.
      Abraços.

      Responder
  • Zefanias 13 de junho de 2020

    Obrigado Dr°…sucessos na sua carreira.

    Responder
Leia Mais...
Outras Seções

Ações

208 artigos
Ações

FIIs

58 artigos
FIIs
kisspng-warren-buffett-business-stock-nebraska-sales-warren-buffett-5b5ea4d6586671.9006389715329292383621

eBook Gratuito

Invista Como
Warren Buffett

Aprenda a usar a estratégia do Value Investing, usada pelo maior investidor do mundo!

Group 285

NÃO VÁ EMBORA AINDA..

O portal que vai te ajudar a começar
a investir.

Todos os conteúdos gratuitos 
da Suno em um só lugar!