análise gráfica
Por: Tiago Reis

Análise gráfica: Descubra o que é este tipo de análise de ativos

Você conhece a análise gráfica?

A análise gráfica, também conhecida como análise técnica, é muito utilizada por especuladores e investidores de curto prazo.

A análise gráfica consiste em um método de análise voltado para negociar ativos no curto prazo. O investidor busca obter lucro observando as tendências dos preços, e compra e vende ativos rapidamente. Muitas vezes a análise gráfica é utilizada para aplicações de especulação que começam e terminam no mesmo dia, o chamado day trade.

Princípios da análise gráfica

princípios da análise gráfica

A análise técnica se baseia em alguns princípios, entre eles:

  • Os ativos apresentam tendências de movimento
  • A existência de padrões de negociação
  • Os preços dependem da interação entre oferta e demanda

Tendência dos preços

As pessoas que buscam especular com a análise técnica acreditam que os preços seguem tendências bem definidas.

Isto é, eles podem apresentam um tendência forte à valorização ou à desvalorização.

Os especuladores buscam, portanto, identificar essas tendências e segui-las de forma a lucrar tanto na compra quanto na venda (através do short sell).

O grande problema com essa premissa é que muitas vezes os ativos se movem de forma irracional no curto prazo.

É comum, em um mesmo dia, um ativo abrir em alta, virar para baixa, e no fim do dia fechar em alta novamente.

Isto pode, muitas vezes, frustar quem busca identificar um padrão de curto prazo nas negociações e dificultar a vida do especulador.

Existência de padrões

Os especuladores acreditam que há padrões que se repetem na negociação de ativos.

Por exemplo: Alguém pode acreditar que todas vezes que uma ação romper o preço dos R$ 10 ela entra em uma onda de valorização de curto prazo.

Assim, o especulador irá buscar comprar a ação no momento em que ela romper a marca dos R$ 10.

Os analista técnicos chamam esses valores de resistência (barreira de valorização) e suporte (barreira de desvalorização de um ativo).

Os preços dependem da interação entre oferta e demanda

Os adeptos da análise técnica acreditam que os preços de mercado já embutem todos os fatores possíveis, como por exemplo: lucros, notícias e expectativas.

A este princípio se dá o nome de hipótese dos mercados eficientes.

Uma vez estabelecido este princípio os especuladores acreditam que a única coisa que move o preço de um ativo é a interação entre a oferta e a demanda.

Logo, eles tentam mensurar essas forças de mercado e prever a tendência de preço futura dos ativos.

Uma alternativa à análise gráfica: Análise fundamentalista

análise fundamentalista

A análise gráfica rivaliza sobretudo com a análise fundamentalista.

A análise fundamentalista buscam entender os fundamentos dos ativos, isto é, os seus lucros, a sua situação financeira, as perspectivas da empresa e do setor, e qualquer outros fatores que possam afetar o negócio.

Portanto, diferente da análise técnica, a análise fundamentalista buscam entender o que de fato afeta um negócio ou uma empresa, e deixa de lado as questões que afetam o preço dos ativos apenas no curto prazo, como a oferta e demanda pelos ativos.

Esse tipo de análise é utilizada pela maioria dos grandes investidores ao redor do mundo. Para citar alguns exemplos:

  1. Warren Buffett
  2. Luiz Barsi Filho
  3. Guilherme Afonso

Posso usar as duas formas de análise?

Muitos investidores perguntam então se podem unir as duas análises.

Na opinião da Suno Research isto não é o mais adequado a se fazer. Isto deriva do fato de que há uma incompatibilidade entre os dois métodos.

A análise técnica é focada no curto prazo, enquanto que a análise fundamentalista foca exclusivamente no longo prazo.

Portanto, recomenda-se aos investidores preocupados em montar uma carteira de investimentos de longo prazo que deixem de lado a análise gráfica (especulação) e buscam focar os seus esforços na análise fundamentalista, que conforme evidenciado pelo sucesso dos grandes investidores, tende a produzir resultados superiores no longo prazo.

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

Nenhum comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Mais...
Outras Seções

Ações

207 artigos
Ações

FIIs

54 artigos
FIIs

eBook Gratuito

Como analisar uma ação

Conheça o Passo A Passo para você analisar quais as melhores ações para investir!