Michael Bloomberg

  • Nome Completo: Michael Rubens Bloomberg
  • Data de Nascimento: 04/02/1942
  • Local de Nascimento: Boston, Estados Unidos
  • Filhos: 2
  • Idade: 76
  • Nacionalidade: Estadunidense
  • Formação: Engenheiro eletricista
  • Ocupação: Fundador da Bloomberg LP
  • Fortuna: US$ 50 bilhões
  • Conhecido como: Michael Bloomberg
  • Estado Civil: Casado
  • Site Oficial: https://www.mikebloomberg.com/
  • Redes Sociais:

Quem é Michael Bloomberg

Michael Bloomberg é o criador e dono de uma das maiores e mais rentáveis mídias da história, A Bloomberg L.P. O negócio surgiu da ideia do empresário de criar uma mídia por assinatura voltada as questões que envolvem a bolsa de valores. A capacidade de Michael para perceber o nicho foi fundamental na construção de seu patrimônio e sua imagem.

Michael Bloomberg também é conhecido por sua carreira na política, sendo que governou a cidade de Nova Iorque por doze anos. O empresário tem destaque por suas ações voltadas a filantropia, setor no qual destina boa parte de seu dinheiro.

A fortuna de Michael Bloomberg é estimada em 50 bilhões de dólares. O valor o coloca entra as pessoas mais ricas do mundo no ranking da Forbes 2018, lista na qual ele ocupa a 11ª posição.

Michael é formado em engenharia elétrica, porém possui especialização na parte de administração.

Nos anos 60, Bloomberg iniciou sua trajetória no mercado financeiro.

Algum tempo depois se tornou sócio da Salomon Brothers.

Após sair da Salomon, ele decidiu abrir seu próprio negócio com o dinheiro adquirido em seu tempo de empresa.

Na década de 80, Michael usou seu dinheiro para criar a Innovative Market Systems. Um novo conceito que aliava mídias de comunicação e o mercado financeiro.

Em 1987, o grupo passou a se chamar Bloomberg.

Na década seguinte a companhia aumentou sua área de atuação e cresceu de forma acelerada. Porém, Michael quis seguir o caminho da política, e no início dos anos 2000 deixou a empresa.

Entre 2002 a 2014, Michael Bloomberg foi prefeito da cidade de Nova Iorque.

“Mike” também é um notório filantropo.

História de Michael Bloomberg

Michael Rubens Bloomberg nasceu no dia 4 de fevereiro de 1942, na cidade de Boston, Estados Unidos.

Em 1964, ele se formou em engenharia elétrica na Universidade Johns Hopkins. Dois anos depois, também concluiu sua graduação na Harvard Business School com um Master of Business Administration.

No ano de 1966, Michael ingressou no Salomon Brothers, um banco de investimentos.

Na companhia ele permaneceu durante 15 anos. Sendo que em 1973, se tornou sócio geral do grupo.

Após encerrar sua participação, Michael tinha 10 milhões de dólares em sua conta. Com esse dinheiro ele investiu na criação de um conceito novo de mídia para época.

Preenchendo uma lacuna existente no mercado financeiro, Mike criou um a Bloomberg, um produto que era voltado aos investidores do mercado financeiro que buscavam informações de qualidade sobre o meio.

Para isso, eram analisados diversos fatores que fazem parte de uma empresa, como renda, escalabilidade e gerência.

Outro fator chave para o sucesso do negócio foi a capacidade em fazer as informações circularem de forma rápida.

Em 1990, já existiam 8000 terminais do grupo instalados. Além da criação de novos produtos, como a Bloomberg: News; Message; Tradebook.

No início dos anos 2000, Michael deixou a companhia com o objetivos de se dedicar a política.

Durante 12 anos ele foi prefeito, pelo partido republicano, da cidade de Nova Iorque.

Michael Bloomberg e a político

Michael Bloomberg

De 2002 até 2014, Mike foi prefeito de uma das maiores metrópoles do mundo. A cidade de Nova Iorque.

No cargo ele viveu um dos momentos mais complicados da história do país, que foi assumir o cargo máximo da cidade logo após o atentado terrorista de 11 de setembro.

Também foi em seu período como prefeito que aconteceu a crise da bolsa de valores de 2008.

Para amenizar os efeitos financeiros fruto da crise e o provável aumento do endividamento da cidade , o candidato propôs, e foi aceito, um terceiro mandato. A principal justificativa era sua experiência de mais de seis anos no cargo.

Uma das principais características do mandato de Michael Bloomberg foi o fato de que ele não recebia salário, além de usar seu dinheiro para manutenção de si no cargo.

Gostou do conteúdo? Compartilhe!
Deixe sua opinião sobre Michael Bloomberg