Liu Ming Chung

  • Nome Completo: Liu Ming Chung
  • Data de Nascimento: 1963
  • Local de Nascimento: Taiwan
  • Filhos: 1
  • Idade: 55
  • Nacionalidade: Taiwanês; naturalizado brasileiro
  • Formação: Odontologia
  • Ocupação: CEO da Nine Dragons
  • Fortuna: US$ 1,7 bilhão
  • Conhecido como: Liu Ming Chung
  • Estado Civil: Casado
  • Site Oficial: http://www.ndpaper.com/eng/global/home.htm
  • Redes Sociais:

Quem é Liu Ming Chung

Liu Ming Chung é CEO e cofundador da empresa chinesa Nine Dragons, maior produtora de embalagens da China. A companhia possui como clientes marcas do calibre da americana Nike e da japonesa Sony. O empreendimento que sofreu prejuízo maio que 7 bilhões de dólares, porém se recuperou e nos últimos anos apresentou uma margem de lucro estável.

De acordo com o ranking de bilionários de 2018 da revista Forbes, Liu Ming Chung é a 1394ª pessoa mais rica do mundo e 32ª do Brasil, com uma fortuna estimada de 1,7 bilhão de dólares.

O setor de atuação de Liu Ming possui algumas peculiaridades reservadas a possíveis investidores, afinal o preço da celulose é cíclico.

Tentando amenizar o peso das oscilações a Nine Dragons investe nos países produtores de celulose, incluindo o Brasil.

Prova disso é que a China já a segunda região que mais importa celulose do Brasil. Ficando atrás apenas da Europa, destino principal do insumo.

Intercâmbio que tem na figura de Liu Ming, brasileiro naturalizado, figura determinante.

O CEO também é casado com a bilionária chinesa Cheung Yan. cofundadora da multinacional e uma das mulheres mais ricas do país asiático.

O empreendimento está entre os maiores produtores de materiais derivados da celulosa do mundo. Não à toa os responsáveis pela gerência – incluindo Liu -, estão na lista de bilionário da Forbes.

Biografia Liu Ming Chung

Liu Ming Chung nasceu no ano de 1963 no Taiwan, país da Ásia Oriental.

Em busca de uma vida melhor, seus pais decidiram sair do país asiático com seus três filhos. Mudam para o Brasil na década de 70,

O fato do Brasil ser um país que historicamente recebe bem imigrantes asiáticos pesou na escolha.

O primeiro um ano e meio da família foi em Curitiba, estado do Paraná. Após essa curta estadia, se mudaram para cidade de São Paulo.

No bairro da Lapa, Zona Oeste da capital paulista, seu pai começou um pequeno negócio. Uma banca de ovos no mercado da região.

A divisão feita pela família foi de que Liu Ming estudaria com objetivo de entrar no vestibular. O seus outros dois irmãos e pais revessavam na manutenção do comércio.

Mesmo com a barreira imposta pela língua, o jovem passou no vestibular de odontologia na Universidade de Santo Amaro.

Mesmo com dificuldades financeiras Liu Ming se formou. Após o término do curso montou um consultório com colegas da faculdade.

Período que não duraria tanto. O imigrante não enxergava naquela profissão uma forma de alcançar seus desejos.

Com a ideia de ganhar dinheiro, conhecer o mundo e entender como as coisas funcionavam, Liu Ming se aventurou no comércio internacional.

Foi nesse período que Liu Ming conheceu sua futura esposa, Cheung Yan.

Em 1988 ele trabalhava em uma empresa brasileira de aço e, em uma viagem de negócios à Hong Kong, o agora empresário buscava vender o material para estatais chinesas.

Foi nessa viagem que conheceu Cheung. A empresária chinesa o convidou a fim de fazerem sociedade na compra de resto de papel nos Estados Unidos.

Chance que Liu Ming Chung agarrou. A empresa em que atuava não estava bem financeiramente.

Na década de 90 os dois se mudaram para os Estados Unidos. Também foi nesse período que se casaram e tiveram seu filho.

Nesse período formaram a empresa America Chung. Liu Ming assumiu o papel de liderança no sentido de buscar relações negociais com as fábricas que não reaproveitavam papel.

Aproveitando a alta quantidade que sobrava de papel e a falta de costume na exportação do setor, o negócio aumentou sua renda de forma rápida.

Outro ponto que contribuiu para o crescimento foi a negociação de frete realizada pela dupla.

Aproveitaram os navios chineses que atravessavam o mundo apenas para descarregar mercadoria, e iniciaram a exportação de seu produto enchendo aquelas embarcações que retornavam vazias. Conseguindo enormes descontos.

No final da década de 90 o casal decidiu dar seu próximo passo. Mudaram-se para China e abriram a fábrica de papel Nine Dragons.

Aproveitando o período de mudanças que o país passava, principalmente no que diz respeito ao incentivo estatal nas empresas privadas, a Nine Dragons teve sucesso em curto prazo.

Sendo que na primeira metade da década 2000 já era a maior produtora de embalagens da China.

Ainda assim, o empreendimento passou por graves dificuldades. Principalmente na crise de 2008, no qual tiveram um prejuízo em um valor maior que 7 bilhões de dólares.

Período superado a duras penas. Porém, que não evitou que a empresa atingisse o panteão dos maiores negócios do ramo.

Pela relação que Liu Ming Chung tem com o Brasil, o investimento da gigante asiática em indústrias de celulose no Brasil, interferindo diretamente, como exemplo, no faturamento da Suzano.

Gostou do conteúdo? Compartilhe!
Deixe sua opinião sobre Liu Ming Chung