Joseph Stiglitz Joseph Stiglitz

Joseph Stiglitz

Perfil de Joseph Stiglitz
Nome Completo Joseph Eugene Stiglitz
Nascimento 09/02/1943
Local de Nascimento Gary, Estados Unidos
Idade 77
Nacionalidade Estadunidense
Formação Economista
Ocupação Professor da Universidade de Columbia
Conhecido Como Joseph Stiglitz
Site Oficial https://www8.gsb.columbia.edu/faculty/jstiglitz/
Redes Sociais Facebook Twitter

Biografia de Joseph Stiglitz

Quem é Joseph Stiglitz

Joseph Stiglitz é um economista, professor e estudioso estadunidense. Sua obra tem influência direta nos campos de finanças públicas, crescimento, distribuição de renda, eficiência de economias capitalistas e, especialmente, nos estudos sobre as teorias do mercado. Além disso, Joseph tem parte de sua carreira ligada ao setor público e a instituições financeiras.

A obra e pensamento de Joseph Stiglitz também é notória por ser contrária ao pensamento “fundamentalista de livre-mercado”. Segundo o estudioso, as instituições financeiras com peso mundial são moldadas de modo a acuarem as economias de países subdesenvolvidos. Não à toa ele é um dos profissionais que mais sinaliza sobre os riscos da globalização econômica.

Stiglitz tem formação em economia e também possui o título de doutor.

Foi no período como estudante que começou a formular sua linha ideológica de pensamento.

No campo acadêmico, Joseph lecionou em faculdades importantes dos Estados Unidos, entre elas: Yale, Stanford e Harvard.

Desde 2001, Stiglitz é professor na Universidade de Columbia.

No setor público, o economista foi, na década de 90, presidente do Conselho de Assessores Econômicos no governo do Presidente Bill Clinton.

Joseph também teve cargos na área de desenvolvimento do Banco Mundial.

Com boa parte de sua obra destinada a explicar contextos em que o mercado não funciona sem intervenção do estado, o estudioso se tornou renomado no meio.

Entre seus principais estudos estão suas pesquisas sobre a teoria dos mercados. Frente em que ele questiona a exatidão pregada por certos agentes.

Com seu trabalho na área, Joseph Stiglitz venceu o Nobel de economia em 2001, em parceria com A. Michael Spence e George Arthur Akerlof.

Em 2011, Stiglitz foi eleito pela Time um dos homens mais influentes do mundo.

Ele também é um dos fundadores do Committee on Global Thought, copresidente do Initiative for Policy Dialogue e presidente da International Economic Association.

Trajetória de Joseph Stiglitz

Joseph Stiglitz

Joseph Eugene Stiglitz nasceu no dia 9 de fevereiro de 1943, na cidade de Gary, Estados Unidos.

Em 1964, Joseph se formou em economia no Amherst College. Entre 1965 e 1967 ele estudou em Cambridge.

Três anos após sua graduação, ele ganhou o título de Ph.D. no Massachusets Institute of Technology (MIT).

Foi justamente no MIT que ele formulou parte dos seus conceitos. O modelo da instituição de ensino em prezar pela objetividade na hora de achar soluções para questões econômicas importantes agradou o cientista.

Além disso, seus estudos foram construídos com o auxílio de outros estudiosos do campo econômico.

Joseph Stiglitz foi influenciado por pensadores como: John Maynard Keynes, Paul Samuelson e Robert Solow, entre outros.

Stiglitz também foi professor de uma série de instituições de ensino dos Estados Unidos.

Desde o início dos anos 2000, é professor de economia, administração de empresas e negócios internacionais na Universidade de Columbia, em Nova Iorque.

Além disso, Joseph foi uma figura de relevância no governo do presidente Bill Clinton, entre os anos de 1995 e 1997.

Sua contribuição para a área da economia lhe rendeu alguns prêmios.

Entres eles estão o Nobel de Economia, em 2001, “por criar os fundamentos da teoria dos mercados com informações assimétricas”.

Joseph Stiglitz e o livre mercado

Joseph Stiglitz

Parte de seu trabalho se notabilizou por ser focado em questionar o modelo liberal da economia.

Para Joseph, a ideia de que o mercado se auto regula é falha, além de ser uma ferramenta para aumentar a desigualdade entre países desenvolvidos e subdesenvolvidos.

Stiglitz defende que o modo como a globalização está sendo conduzida é o mais injusto possível.

Além disso, o economista é um defensor de que o governo dos Estados Unidos tem que ter controle sobre as instituições financeiras da país.

A visão econômica de Joseph Stiglitz sobre o poder do mercado caminha em sentido diferente de Adam Smith, um dos grande economistas da história.

 

Ler mais

Perfis Relacionados a Joseph Stiglitz

Compartilhe sua opinião