Negócios

Vivara (VIVA3) adota postura mais conservadora por causa do coronavírus

0

A Vivara (VIVA3) informou nessa quinta-feira (26) através de fato relevante que está reavaliando o plano de investimentos e que “adotará uma postura mais conservadora” nesse cenário de incertezas causado pela crise do coronavírus.

Além disso a Vivara informou que está observando as orientações das autoridades brasileiras e internacionais e vem adotando medidas para preservar a saúde de seus Stakeholders.

A empresa salientou que todas as suas lojas físicas brasileiras foram fechadas temporariamente no dia 21 de março. Entretanto alguns de seus colaboradores estão realizando home office.

“Desde o dia 21 de março, todas as lojas, espalhadas por todas as regiões do país, estão fechadas, mesmo para shoppings que ainda tinham operação normal. O trabalho remoto foi implantado para 100% dos colaboradores do escritório, mantendo apenas um número reduzido de pessoas para manter a operação da loja online, bem como a infraestrutura de TI e logística”. Informou no documento.

Além dessas medidas, a companhia concedeu férias coletivas para seus colaboradores da fábrica e os produtos finalizados foram direcionados para o centro de distribuição, localizado em São Paulo. Desse modo a Vivara prevê que haverá estoque necessário para a reposição das lojas quando essas reabrirem.

Contudo, a empresa salientou que não consegue indicar os impactos da doença sobre seus resultados futuros.

Saiba mais: Vivara inaugura 31 pontos de vendas e conclui plano de expansão de 2019

“É importante ressaltar que o tempo de duração da situação de reclusão da população, além do alcance e intensidade que o vírus poderá se espalhar nas diferentes regiões do país, fazem com que, nesse momento, a Companhia não tenha uma estimativa dos impactos da COVID-19 sobre seus resultados em períodos subsequentes”. Expressou em fato relevante.

Por fim, a Vivara ressaltou que “possui solidez financeira, dispondo de alta liquidez imediata, com recursos materiais para atravessar esse período desafiador”.

Vivara inaugurou 31 pontos de vendas em 2019

Em dezembro de 2019 a Vivara comunicou que concluiu seu plano de expansão abrindo 31 novos pontos de vendas.

“Com a implantação dos novos pontos inaugurados no último semestre, a companhia atingiu a velocidade necessária para execução do plano de expansão de 2020 e reforça que a aceleração do crescimento através da expansão orgânica das marcas faz parte dos pilares estratégicos para os próximos anos”, informou na época, Otavio Chacon do Amaral Lyra, Diretor de Relações com Investidores da Vivara.

Telegram Suno

Compartilhe a sua opinião

Laura Moutinho
Estagiaria na Suno Notícias, escreve notícias que afetam o mercado financeiro. Estuda administração na Universidade Presbiteriana Mackenzie.