Vale (VALE3): navio de minério de ferro pode naufragar no MA

Vale (VALE3): navio de minério de ferro pode naufragar no MA
A Moody's, agência de classificação de risco, elevou o rating da Vale (VALE3) para "Baa3", com perspectiva estável.

A mineradora Vale (VALE3) informou nesta quarta-feira (26) que navio utilizado para transporte de minério de ferro pode naufragar no litoral do Maranhão (MA).

O navio MV Stellar Banner sofreu estragos na proa após ter deixado na segunda-feira (24) o Terminal Marítimo de Ponta da Madeira, em São Luís (MA). O dano ocorreu fora do canal de acesso do porto.

“Foi reportado ainda à Vale que, por medida de precaução, os 20 tripulantes foram evacuados com segurança e que o comandante do navio adotou manobra de encalhe a cerca de 100 quilômetros da costa de São Luís”, declarou a companhia em nota.

Segundo dados do terminal Eikon, da Refinitiv, o navio tinha como destino o porto de Qingdao, na China. A embarcação deveria transportar uma carga de 275 mil toneladas de minério de ferro.

A companhia não informou imediatamente se o navio estava com o minério.

“Como operadora portuária, a Vale está atuando com suporte técnico-operacional, com o envio de rebocadores, e colaborando com as autoridades marítimas”, acrescentou a empresa.

Em 2017, o navio embarcação Stellar Daisy, que transportava minério de ferro, naufragou no terminal da Ilha Guaíba (RJ), da Vale. A embarcação tinha como destino a China e também era operada pela Polaris.

Quadro em que se encontra a Vale

As ações da empresa fecharam em queda de -9,54% a R$ 45,35. O movimento do mercado é resultado das tensões acerca do novo coronavírus, que reverteram em queda em diversos mercados. Entre eles o de minério de ferro.

A Vale informou que a produção de minério de ferro em 2019 tinha sido 21,5% menor do que a do ano de 2018, em 301,972 milhões de toneladas.

A empresa também comunicou que as vendas de minério de ferro chegaram a 269,306 milhões de toneladas no ano passado. Valor 12,8% menor do que o registrado em 2018.

Além disso, a Vale registrou um prejuízo de US$ 1,683 bilhão em 2019. Em 2018 esse resultado tinha sido de um lucro líquido de US$ 6,860 bilhões. A mineradora divulgou na quinta-feira (20) seu balanço do ano passado.

Arthur Guimarães

Compartilhe sua opinião