Negócios

Vale a pena investir em estatais? Confira a opinião de um especialista

0

Muitas empresas controladas pelo Governo Federal são negociadas diariamente na bolsa de valores de São Paulo. Ou seja, se você tem uma conta em alguma corretora, ou o seu banco oferece os serviços de investimentos, você pode se tornar sócios dessas empresas estatais comprando seus papéis.

Há diversas opções de empresas estatais, como petroleiras, empresas de saneamento e companhias do setor financeiro. Entretanto, será que é uma boa ideia investir em empresas que não são privadas?

O especialista João Arthur, da SUNO Research, explicou o motivo dessas empresas não serem recomendas muitas vezes. “A gente na Suno, como um todo, tem um pouco de restrição a estatal pela nossa filosofia de investimento a longo prazo. Não que seja errado ou impossível ter sucesso investindo em estatal. Investir não tem certo e errado e vai da filosofia e estratégia de cada um”, diz o especialista.

Investimentos de estatais podem gerar conflitos

Arthur, entretanto, chama a atenção para os conflitos que envolvem o investimento em uma empresa estatal. “A estatal tem outras funções que não é só dar lucro, que é basicamente a única função da empresa privada. A estatal tem também um viés social”, explica Arthur.

Saiba mais: Principais estatais reportam lucro de R$ 60,7 bilhões no 1º semestre e surpreendem

“Às vezes os gestores dessas empresas acabam deixando de lado o objetivo de lucro, para olhar para o social. Isso acontece, por exemplo, quando a empresa deixa de repassar o preço da gasolina, ou uma empresa de saneamento segura tarifa do setor”, acrescenta o especialista.

É importante destacar que muitas empresas estatais são administradas por pessoas indicadas por políticos que estão no poder. Isso também é um fator que influencia bastante na hora do acionista minoritário fazer sua escolha entre investir em uma estatal ou em uma empresa privada. Isso porque os políticos, no Brasil, não possuem histórico de bons gestores, o que pode diminuir a confiabilidade dos investidores em uma determinada empresa.

“Não que não se possa ter sucesso investindo em estatal, muito gestores famosos investem nessas empresa, mas há inerentemente um risco maior. É tudo uma questão de estilo”, conclui João Arthur. 

Veja também: Petrobras e Ministério do Trabalho fazem acordo em plano de desinvestimento

Um boletim do ministério da Economia, divulgado nesta sexta-feira (20), mostra que as empresas estatais

  • Petrobras
  • Eletrobras
  • BNDES
  • Banco do Brasil
  • Caixa Econômica Federal

registraram um crescimento de 70% no lucro, no acumulado do ano até setembro, em relação ao mesmo período do ano passado. Vale destacar que o resultado do terceiro trimestre dessas estatais já é maior do que o do ano inteiro de 2018.

Telegram Suno

Compartilhe a sua opinião

Juliano Passaro
Juliano Passaro escreve sobre política, economia e negócios para o portal da Suno Research. Antes da Suno, trabalhou no Portal da Band. É formado em jornalismo pela Universidade Presbiteriana Mackenzie.