Uber diz que investiu R$ 50 mi em auxílio financeiro aos parceiros durante pandemia

Uber diz que investiu R$ 50 mi em auxílio financeiro aos parceiros durante pandemia
A Uber anunciou o investimento em novas medidas de segurança contra o coronavírus. (foto: divulgação)

A Uber (NYSE: UBER) comunicou que investiu mais de R$ 50 milhões em auxílio financeiro e de saúde a parceiros durante a pandemia de coronavírus (Covid-19), que começou a se agravar no Brasil em março deste ano. A diretora geral da Uber no Brasil, Claudia Woods, citou o isolamento social como um dos fatores para mudanças imediatas em sua empresa. “Do dia para a noite o isolamento social tornou-se a principal medida de prevenção da covid-19 no Brasil e, junto com isso, a Uber teve que se reinventar”, afirmou a executiva, nesta quinta-feira (3). As informações são do jornal “Valor Econômico”.

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! cadastro feitocom sucesso.

lead suno background

De acordo com Woods, R$ 11 milhões, do valor total investido, foram utilizados em assistência financeira aos parceiros que pegaram o coronavírus e com outro que pertencem aos grupos de risco. Outros R$ 8 milhões foram investidos em materiais de proteção como máscaras e álcool em gel. A empresa também informou que criou centros de higienização em dez cidades. Nestes locais, os entregadores e motoristas do aplicativo podem retirar kits de proteção, além de produtos para higienizar veículos e instalar divisórias entre o motorista e o passageiro para evitar qualquer tipo de contato.

A Uber anunciou nesta quinta que realizará novas etapas de segurança em relação ao aplicativo de caronas. A companhia começará a verificar a identidade de passageiros que solicitarem corridas em dinheiro, solicitando uma foto do RG. Além disso, no Brasil inteiro, o serviço de gravação em áudio das corridas passará a vigorar para que, caso haja algum incidentes, ele fique registrado. A Uber também anunciou a atualização do sistema U-Ajuda, que emite um alerta as autoridades ao detectar paradas inesperadas ou muito longas.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Video Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

Em linha com a última novidade citada acima, o sistema também irá monitorar o destino final da viagem, agindo caso ela não tenha sido finalizada no local predefinido.

Uber: Justiça determina que empresa ofereça mais proteção aos entregadores

A Justiça do Trabalho de São Paulo determinou, no dia 21 de agosto, que a Uber deveria fornecer mais proteção aos entregadores da Uber Eats devido a pandemia de coronavírus (Covid-19). Entre as determinações da Justiça, estavam: o fornecimento de álcool em gel, auxílio financeiro em caso de afastamento e pontos de apoio para higienização. A juíza Josiane Grossl, titular da 73ª Vara do Trabalho de São Paulo, atendeu, com isso, um pedido que havia sido solicitado pelo Ministério Público do Trabalho.

A Uber informou, em nota, que a Uber Eats “já cumpre a maioria das medidas trazidas na decisão”. Sobre as exigências que ainda não estão sendo executadas, a companhia afirmou que vai recorrer. A Uber Eats ainda salientou que reembolsa os seus colaboradores pelos gastos com álcool em gel e máscaras, além de fornecer as orientações para evitar a contaminação.

Juliano Passaro

Compartilhe sua opinião