Finanças pessoais

Títulos do Tesouro Direto iniciam a semana próximos da estabilidade

0

Nesta segunda-feira (21), os títulos do Tesouro Direto abrem a semana próximos da estabilidade nas taxas de rentabilidade.

Em três dias da última semana os títulos de renda fixa do Tesouro Direto apresentaram, majoritariamente, queda em suas taxas.

O título Prefixado 2025, por exemplo, na última segunda-feira (14), apresentava uma taxa de 6,23% a.a., e na última sexta-feira (18) terminou a semana com uma variação negativa, chegando a 6,15%.

Nesta segunda, a soma de todas as variações nas taxas de rentabilidade dos títulos prefixados é de 0,02% positivos.

Prefixados do Tesouro Direto

A taxa de rendimento do Tesouro Prefixado 2022, na última sexta, encontrava-se em 4,95% a.a. Nesta segunda, por sua vez, a taxa de rendimento está em 4,91% a.a. O valor mínimo era de R$ 35,98 e abre a semana com o valor de R$ 36,01. O preço unitário foi estabelecido em R$ 900,49.

Já a rentabilidade do Tesouro Prefixado 2025, após a queda na última semana, apresentou uma alta de 0,03 ponto percentual, chegando a 6,18% a.a. Seu valor mínimo passou de R$ 36,69 para R$ 36,65. Além disso, o preço unitário, que se encontrava em R$ 733,95 agora está um pouco menor, em R$ 733,05.

Os títulos do Tesouro Prefixado com Juros Semestrais 2029 se encontram em 6,56% a.a. Seu valor mínimo passou de R$ 37,80 para R$ 37,74. Seu preço unitário, que estava em R$ 1.260,24, agora ficou em R$ 1.258,29.

Títulos indexados ao IPCA

A taxa de rentabilidade do Tesouro IPCA+2024, nesta segunda, permanece com a mesma rentabilidade apontada na sexta-feira, a 2,29% ao ano. Já o seu valor mínimo aumentou para R$ 58,10. Seu preço unitário apresentou uma queda, passando de R$ 2.904,86 para R$ 2.904,86.

Já o Tesouro IPCA+ 2035 apresentou, no início desta semana, a taxa de rentabilidade de 3,18% ao ano. Na semana passada, a taxa estava em 3,21%. O preço unitário é de R$ 1.993,08 e o valor mínimo é R$ 39,86.

Saiba mais: Boletim Focus reduz previsão da Taxa Selic para 4,50%

O Tesouro IPCA+ com juros semestrais 2026, na última sexta, encontrava-se em 2,48% a.a. Nesta segunda a taxa é a mesma. O valor mínimo para compra é R$ 39,71.

Na última sexta, a taxa de rendimento do Tesouro IPCA+ com juros semestrais 2050 estava em 3,35% a.a. Nesta segunda, a taxa chegou a 3,34% a.a. O valor mínimo é de R$ 49,00 e o preço unitário do papel atinge R$ 4.900,82.

Selic

O Tesouro Selic 2025 (LFT) mantém o rendimento da taxa básica de juros, mais 0,02 ponto percentual ao ano. Seu valor mínimo é de R$ 103,65 e seu preço unitário, de R$ 10.365,06.

Tesouro Direto – 21/10/2019

O pregão do Tesouro Direto funciona das 9h30 às 18h, no site do Tesouro Nacional. É possível, também, realizar simulações referentes à rentabilidade de um título aqui.

Compartilhe a sua opinião

Jader Lazarini
Jader Lazarini escreve sobre mercado financeiro, política e economia para o portal de notícias da Suno Research. Anteriormente, trabalhou na Unidas. Estuda Relações Internacionais na Universidade Anhembi Morumbi.