TikTok: Dona da rede social, startup mais valiosa do mundo, ultrapassa valor de US$ 100 bi

TikTok: Dona da rede social, startup mais valiosa do mundo, ultrapassa valor de US$ 100 bi
Aplicativo virou febre mundial durante quarentena em 2020. (foto: divulgação)

A dona do TikTok, a chinesa ByteDance, é a startup mais valiosa do mundo desde 2018. A empresa terminou o ano passado com valor de US $ 75 bilhões. A companhia ultrapassou, recentemente, o valor de US $ 100 bilhões, de acordo com informações divulgadas pela agência “Bloomberg”.

A rede social TikTok começou a ser mais utilizada durante a quarentena, em diversos países, devido a pandemia de coronavírus. Alguns especialistas avaliaram a empresa chinesa entre US $ 105 bilhões e US $ 110 bilhões nos mercados secundários, de acordo com informações da agência.

Caso esses valores sejam confirmados, a dona do TikTok pode entrar para a lista das empresas com maior valor de mercado privado dos últimos dez anos. Assim, a empresa ficaria atrás somente das chinesas Alibaba e Ant Financial Services, conhecida anteriormente por Alipay, do ramo de serviços financeiros.

Veja também: Garanta acesso ao Suno One, a central de informações para quem quer aprender a investir. Acesse gratuitamente clicando aqui.

Sediada em Pequim e fundada em 2012, a ByteDance é um empresa chinesa de tecnologia que foi criada por Zhang Yiming. Antes da ByteDance, o dono da startup criou o Kuxun, aplicativo de grande sucesso na China, que dominava o setor de viagens e hotéis. O Kuxun foi adquirido, mais tarde, pelo TripAdvisor.

A ByteDance possui como maior ativo a rede social TikTok com 1 bilhão de usuários ativos, segundo informações do Financial Times. Entre os grupos investidores da dona do TikTok estão: SoftBank, General Atlantic e Sequoia.

Popularidade do TikTok

Em 2019, o TikTok foi o terceiro aplicativo mais baixado em todo o mundo. A ferramenta teve mais de 1,5 bilhão de downloads. Dessa forma, o app ficou à frente de seus principais concorrentes, como Facebook e Instagram, que também possuem as funções de disponibilizar vídeos curtos aos usuários.

Os aplicativos mais baixados de 2019 foram: WhatsApp e Facebook Messenger, sendo os dois da mesma vertente, de troca de mensagens. Assim, somente o TikTok, entre os três, possui uma proposta diferente.

Tags
Juliano Passaro

Compartilhe sua opinião