Finanças pessoais

Tesouro Direto: confira os preços dos títulos nesta sexta-feira

0

Os títulos indexados ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) do Tesouro Direto apresentam considerável baixa nos preços, além de avanços nos rendimentos.

Em paralelo, os títulos prefixados do Tesouro Direto acompanham a tendência.

O Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais 2026 (NTN-B) destaca-se pela maior variação na taxa de rentabilidade. De 4,14% ao ano na véspera, a taxa sobe a 4,23% nesta data.

Enquanto o preço unitário cai de R$ 3.629.83 a R$ 3.610,55, e o valor mínimo de investimento desce de R$ 36,29 a R$ 36,10.

O único título disponível com ganhos vinculados à taxa Selic Over, o Tesouro Selic 2025 (LFT), registra novas altas:

  • valor mais baixo de aplicação: de R$ 99,36 a R$ 99,39
  • preço unitário: de R$ 9.936,79 a R$ 9.939,25

Prefixado volta a operar com taxa acima de 9%

O Tesouro Prefixado com Juros Semestrais 2029 (NTN-F) novamente tem a taxa de rentabilidade acima de 9%.

Se na quinta-feira (7) o rendimento era de 8,93% ao ano, hoje é de 9,06%.

Contudo, o preço desse título não variou com tanta intensidade. De R$ 1.079,02 baixou a R$ 1.070,94. O valor mais baixo de investimento passou de R$ 32,37 a R$ 32,12.

Saiba mais – Tesouro Direto: o que você precisa saber sobre esse investimento 

tesouro direto

Confira os preços do Tesouro Direto nesta sexta-feira (8). (divulgação)

Tesouro Direto: confira os preços dos títulos nesta quinta-feira

O pregão do Tesouro Direto funciona das 9h30 às 18h, no próprio site do Tesouro Nacional.

Compartilhe a sua opinião

Amanda Gushiken
Amanda Sayuri Gushiken escreve sobre finanças e negócios para o portal Suno Notícias. Antes, trabalhou selecionando notícias da imprensa para clientes do mercado financeiro. Também desenvolveu pesquisa acadêmica pela Universidade Anhembi Morumbi na área de Teorias da Comunicação e é fotógrafa nas horas vagas.