Negócios

Taesa aprova pagamento de R$ 62 mi em juros sobre o capital próprio

0

A Taesa (TAEE11) informou, nesta quarta-feira (11), que seu conselho de administração aprovou o pagamento de R$ 62 milhões em juros sobre o capital próprio.

Baixe o relatório gratuito da SUNO sobre o IPO da XP Investimentos 

Segundo a Taesa, o valor bruto dos JCP será de R$ 0,06013882100 por ação preferencial e ordinária. Além disso, a empresa afirma que será R$ 0,18041646300 por units.

Os JCP serão serão pagos no dia 27 de dezembro, baseados na posição acionária final do dia 16 de dezembro. Deste modo, a partir do dia 2 de janeiro, os papéis serão negociados como “ex-JSCP“.

Lucro líquido da Taesa no 3T19

A Taesa, Transmissora Aliança de Energia Elétrica, (TAEE3; TAEE4) registrou lucro líquido de R$ 357,8 milhões no terceiro trimestre. Esse valor representa uma alta de 21,4% em comparação com o mesmo período no ano passado.

Saiba mais: Taesa apresenta alta de 21,4% em seu lucro líquido no 3T19

A receita líquida apresentou um aumento de 38,6%, alcançando o valor de R$ 597,7 milhões. Os custos, despesas e depreciação e amortização totalizaram R$ 225,4 milhões, uma alta de 96,7%. Durante o período dos primeiros nove meses, os custos somaram R$ 456,4 milhões.

O Ebtida ( lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) totalizou R$ 376 milhões representando um aumento de 18,2%. A margem Ebtida registrou 62,9%.O resultado de equivalência patrimonial totalizou R$ 80,2 milhões, uma queda de 2,1%. A despesa financeira líquida registrou R$ 48,8 milhões, uma baixa de 22,6%.

A companhia elétrica aprovou a distribuição de R$ 186,5 milhões em dividendos no terceiro trimestre. Desse modo, no acumulado do ano, o pagamento de dividendos da empresa totaliza R$ 589 milhões.

“Foi um resultado bem positivo. Tivemos um crescimento de lucro líquido. E continuamos com o sólido pagamento de dividendos”, afirmou o presidente da Taesa, Raul Lycurgo Leite.

A Taesa informou que a projeção de investimento (capex) é de R$ 1,675 bilhão a R$ 1,83 bilhão para este ano e o próximo. Além disso, a transmissora de energia informou que prevê um incremento de receita de R$ 372 milhões entre os anos de 2020 e 2022. Ademais, em seu fato relevante, a Taesa informou que as projeções não são “promessa de desempenho”.

Compartilhe a sua opinião

Rafael Lara
Rafael Lara cursa jornalismo na Faculdade Cásper Líbero. Escreve sobre política, economia e negócios para o portal Suno Notícias. Antes, colaborou na TV Gazeta na produção do programa Edição Extra.