Negócios

Taesa cresce 11% em lucro líquido do segundo trimestre de 2019

0

A transmissora de energia elétrica Taesa (TAEE11) reportou seu lucro líquido nesta terça-feira (6). O valor registrado pela companhia foi de R$ 307,4 milhões neste segundo trimestre. A quantia significa uma alta de 11,3% em comparação com o mesmo período do ano passado.

A Taesa é controlada pela Cemig, uma estatal de Minas Gerais, e também pelo grupo Isa. O Ebtida da empresa no segundo trimestre teve baixa de 14,4% em comparação ao período igual de 2018. O valor ficou em R$ 309,4 milhões. O Ebtida se refere ao lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização.

Os investimentos da elétrica cresceram três vezes mais no primeiro semestre deste ano. O valor chegou a R$ 197,9 milhões. No ano passado, a quantia foi de R$ 48,3 milhões, durante os primeiros seis meses do ano.

A receita líquida da companhia também avançou. O percentual, em relação ao mesmo período do ano passado, foi de 14,2%. Dessa forma, o valor atingido foi de R$427,5 milhões. A receita foi impulsionada pelos investimentos feitos nos projetos da Taesa.

A companhia também introduziu o valor de R$ 9,8 milhões no resultado, advindos da aquisição de ativos vendidos pela Eletrobras em 2018. Além disso, a Taesa salientou que encerrou o trimestre com posição de caixa de R$ 2,195.

A dívida líquida da empresa também cresceu. O valor foi de 8% em relação a quantia do segundo trimestre do ano passado. De acordo com a própria empresa, os resultados têm grande influência do crescimento de investimento da companhia em 2019.

Veja também: Vendas de veículos crescem mais de 9% em julho, segundo Anfavea 

AES Tietê x Taesa

A companhia geradora de energia elétrica AES Tietê também divulgou seu lucro líquido trimestral na última segunda-feira (5). O valor registrado foi de R$ 35,4 milhões no trimestre que acabou em junho. O valor significa uma baixa de 61,9% em comparação com o mesmo período de 2018.

Diferente da Taesa, a AES Tietê não conseguiu bons resultados no segundo trimestre deste ano, em comparação com o igual período do ano passado.

Compartilhe a sua opinião

Juliano Passaro
Juliano Passaro escreve sobre política, economia e negócios para o portal da Suno Research. Antes da Suno, trabalhou no Portal da Band. É formado em jornalismo pela Universidade Presbiteriana Mackenzie.