Smiles (SMLS3) tem lucro líquido de R$ 50,2 milhões no 3T20

Smiles (SMLS3) tem lucro líquido de R$ 50,2 milhões no 3T20
Smiles Fidelidade (Foto: Divulgação)

A Smiles (SMLS3) divulgou nessa terça-feira (27) seus resultados no terceiro trimestre desse ano. A companhia reportou lucro líquido de R$ 50,2 milhões entre julho e setembro desse ano, revertendo o prejuízo de R$ 350 mil anotado no segundo trimestre.

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

lead suno background

Já a receita líquida da Smiles cresceu 136,7% no trimestre finalizado em setembro, ficando em R$ 133,9 milhões, ante R$ 56,6 milhões no trimestre anterior.

A empresa de programa de fidelidade da Gol (GOLL4) salientou que a volta parcial da atividade econômica “é parte da explicação para esses bons resultados”.

Conheça o Suno One, a central gratuita de informações da Suno para quem quer aprender a investir. Acesse clicando aqui.

Além disso, o Ebitda (prejuízo antes de juros, impostos, depreciação e amortização) da companhia fechou setembro em R$ 62 milhões, revertendo o resultado negativo de R$ 6,2 milhões no trimestre anterior.

A margem Ebitda, por sua vez, ficou em 46,3% no terceiro trimestre desse ano, contra  resultado negativo de 11% registrado no segundo trimestre.

Além disso o acúmulo de milhas cresceu 46% para 20,01 bilhões na comparação com o segundo trimestre, impulsionado com a redução das restrições para combate à covid. Na comparação com igual período de 2019, contudo, o resultado ainda segue 24% abaixo.

O resgate mostrou comportamento semelhante com 16,7 bilhões milhas resgatadas no terceiro trimestre, salto de 448% na comparação com o trimestre anterior. Contra julho a setembro do ano passado, o resgate recuou 36%.

O número de usuários cadastrados cresceu 8,4% em 12 meses, para 17,9 milhões. O indicador ganhou força a partir de maio, com a retomada do setor aéreo.

Resultado da Smiles no 2T20

A companhia registrou prejuízo de R$ 350 mil no segundo trimestre de 2020, ante lucro líquido de R$ 155,7 milhões no mesmo período no ano passado. Os dados apontaram que o prejuízo foi causado em razão da crise no setor aéreo por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

A receita líquida passou de R$ 278 milhões, no segundo trimestre de 2019, para R$ 56,5 milhões no trimestre equivalente em 2020. Esse valor é correspondente a uma queda de 79,6%. O faturamento bruto total atingiu R$ 321,7 milhões, ante R$ 684,3 milhões no mesmo período no ano anterior.

Última cotação

A ação da Smiles (SMLS3) fechou esta terça-feira em alta de 1,5% aos R$ 17,91. No ano, o papel mostra uma queda de 54% frente ao fechamento a R$ 39,00 em dezembro. Em relação ao pior momento do ano a R$ 8,35 em março, o ativo subiu 114%.

Laura Moutinho

Compartilhe sua opinião