Negócios

Santos Lab colabora com militares israelenses para uso de drones

0

A Santos Lab colaborará com uma estatal do Ministério da Defesa de Israel para o uso de drones para a agricultura.

Santos Lab Comércio e Indústria Aeroespacial Ltda, (Santos Lab) informou nesta sexta-feira (11) que assinou um contrato com a Israel Aerospace Industries (IAI). O acordo prevê o uso de drones avançados para aplicações de agricultura de precisão em larga escala.

A Santos Lab é uma empresa carioca que desenvolve, fabrica, mantém, e opera sistemas não tripulados aéreos. A IAI é uma fabricante israelense de aeronaves militares e civis. A IAI é uma empresa pública ligada ao Ministério da Defesa de Israel. Maior empresa aeroespacial e de defesa do país médio-oriental, a IAI é reconhecida mundialmente, especializada no desenvolvimento e manufatura de sistemas de ponta para ar, espaço, mar e terra, além de segurança doméstica e cibernética.

Saiba mais: Tempo seco faz Conab recuar em estimativa de safra recorde de soja 

O objetivo dessa colaboração entre as duas empresas é conquistar uma fatia de mercado de centenas de milhões de dólares na próxima década.

Drones para missões agrícolas

O drone BirdEye 650D realizará missões agrícolas em vastas áreas do Brasil com a utilização de operações além da linha de visada (BVLOS). O veículo não tripulado, também conhecido como VANT, consegue coletar dados sobre a condição de diversas culturas. Entre elas, a de soja, a de cana-de-açúcar e a de algodão, entre os principais produtos exportados pelo Brasil.

Esses dados são analisados e as informações servirão de base para relatórios que fornecerão uma análise acurada das plantações e condições do solo.

Saiba mais: Safra de grãos será 1,7% maior em 2019, de acordo com IBGE 

As operações deveriam começar até o final de 2019, e a previsão é entregar em até 48 horas esses drones aos fazendeiros. Além disso, a disponibilização para os clientes dos dados será realizada através uma solução dedicada, com resultados de alta precisão. Um resultado possível graças ao uso de tecnologia hiperespectral. Um tipo de tecnologia que permite identificar à nível laboratorial, com altíssima resolução e qualidade, as condições de uma plantação.

A palavra com os presidentes

“A cooperação entre duas empresas de tecnologia como a IAI e a Santos LAB tem por meta trazer ao mercado agrícola brasileiro uma ferramenta capaz de mudar os meios essenciais de monitorar o desenvolvimento da agricultura. Esse sistema permitirá aos agricultores tomarem decisões conscientes para melhor administrarem suas plantações, trazendo mais eficiência ao setor e introduzindo a agricultura de precisão em escala industrial no campo brasileiro. O emprego dessa tecnologia pode ter um impacto muito positivo sobre todo o ciclo de produção e consumo de alimentos, inclusive possibilitando que a população tenho um custo reduzido na compra do alimento que vai à mesa do brasileiro, e isso é apenas o começo”, afirmou Gabriel Klabin, CEO da Santos Lab.

“A colaboração com a Santos Lab é muito bem-vinda, pois deverá abrir novas oportunidades para nós”, afirmou Moshe Levy, vice-presidente executivo da IAI. “A IAI tem mais de 40 anos de experiência com drones, com ênfase para aplicações militares. O uso de nossos sistemas para aplicações agrícolas é um bom exemplo de como pretendemos comercializar nosso know-how para ampliar nossas ofertas. A IAI oferece a capacidade de combinar tecnologias militares com aplicações comerciais, aliada à habilidade única da IAI de voar drones no espaço aéreo civil”, explicou Levy, que é também gerente geral do Grupo de Aeronaves Militares da empresa de Israel.

Compartilhe a sua opinião

Carlo Cauti
Editor-chefe da SUNO Notícias. Formado em Ciências Políticas pela universidade LUISS G. Carli de Roma e mestre cum laude em Relações Internacionais, Jornalismo Internacional e de Guerra e em Economia Internacional. No Brasil, teve passagem por veículos de comunicação como O Estado de S.Paulo, G1, Veja e EXAME. Também trabalhou nas agências de notícias italianas ANSA e NOVA.