Santos Brasil (STBP3) ofertará 192,6 milhões de ações em follow-on

Santos Brasil (STBP3) ofertará 192,6 milhões de ações em follow-on
A Santos Brasil (STBP3) disse que seu Conselho aprovou a realização da oferta pública de distribuição de 192,6 milhões de ações.

A Santos Brasil (STBP3) informou, na manhã desta terça-feira (15), que seu Conselho de Administração aprovou a realização da oferta primária de 192.680.000 ações ordinárias em uma oferta subsequente de ações (follow-on). A informação foi divulgada por meio de um fato relevante.

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! cadastro feitocom sucesso.

lead suno background

A oferta restrita, no Brasil, será realizada em mercado de balcão não organizado, sob liderança do BTG Pactual (BPAC11), e participação do Morgan Stanley, XP Investimentos e Goldman Sachs. Segundo a Santos Brasil, também serão realizados esforços de colocação das ações no exterior.

De acordo com o documento publicado, a oferta demandará um procedimento de bookbuilding para definição do preço por ação. Tal processo terá como parâmetro a cotação dos papéis ordinários em circulação no mercado e a indicação de interesse de investidores na oferta.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Video Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

A companhia pontua que até a conclusão do bookbuilding, a quantidade de ações inicialmente ofertada, poderá, a critério da empresa, em comum acordo com os coordenadores da operação, ser elevada em 35% do total de ações inicialmente ofertado, ou seja, 67.438.000 papéis nas mesmas condições.

Santos Brasil pode levantar R$ 1,3 bilhão para participar de novos arrendamentos

Com base no fechamento do pregão da última segunda-feira (14), as ações da Santos Brasil eram negociadas a R$ 5,19, fazendo com que a oferta possa levantar entre R$ 1 bilhão e R$ 1,35 bilhão, com as ações adicionais. A cotação atual foi utilizada de forma meramente indicativa do preço por ação da oferta.

De acordo com a empresa, as ações serão distribuídas e destinadas prioritariamente à colocação pública junto aos acionistas que realizarem solicitações de subscrição mediante o preenchimento de formulário junto a um agente de custódia, como as corretoras. Esse processo ocorrerá entre 16 de setembro e 22 de setembro. Cada atual acionista da empresa terá o direito de subscrever, no mínimo, 0,288394 ação para cada papel ordinário sob sua posse, com o limite de 0,389332 ação por papel.

“A intenção da companhia é utilizar os recursos líquidos obtidos com a oferta para, prioritariamente, participar em novos arrendamentos de ativos portuários; verticalizar e integrar a cadeia logística portuária a partir da plataforma da Santos Brasil Logística (SBLog); ampliar e consolidar a participação na movimentação brasileira de contêineres; e fins corporativos diversos”, disse a Santos Brasil.

Jader Lazarini

Compartilhe sua opinião