Santander (SANB11) anuncia linha de crédito para setor de saneamento

Santander (SANB11) anuncia linha de crédito para setor de saneamento
Santander (SANB11) anuncia linha de crédito para setor de saneamento

O Banco Santander Brasil (SANB3; SANB4; SANB11) anunciou o lançamento de uma linha de crédito no valor de R$ 5 bilhões, destinada a novos investimentos no setor de saneamento. A informação foi divulgada nessa terça-feira (21).

Segundo o diretor da área de mercado de capitais do Santander, Sandro Marcondes, as linhas de crédito terão prazo de 16 anos e projeta-se que sejam designadas a:

  • Pagamento de outorgas
  • Financiamentos de aquisição
  • Gestão de passivos
  • Investimentos.

Além disso, o banco informou que investidores e empresas com certificados ambientais, sociais e de governança (ESG, na sigla em inglês), deverão pagar juros menores em empréstimos.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Video Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

Por sua vez, o vice-presidente do banco no Brasil, Jean Pierre Dupui, explicou que “atualmente, os empréstimos bancários para saneamento no Brasil são muito inferiores às linhas de crédito para projetos de energia e mobilidade”, e completou dizendo que a previsão é que isso mude.

Com o novo marco regulatório do saneamento, o governo federal projeta que o setor deve atrair de R$ 600 bilhões a R$ 800 bilhões em investimentos durante os próximos 20 anos.

Vale destacar que o Santander planeja oferecer mais recursos ao setor de acordo com a demanda.

Santander registra lucro de R$ 3,8 bilhões no 1T20

O Banco Santander Brasil (SANB11) registrou R$ 3,8 bilhões em seu lucro líquido gerencial no primeiro trimestre de 2020. Esse valor é equivalente a uma alta de 10,5% em comparação com o mesmo período.

Veja também: Santander (SANB11) realiza leilões de imóveis com descontos de até 70%

Por sua vez, o lucro líquido societário, que possui fatores extraordinários, atingiu R$ 3,7 bilhões nos primeiro três meses do ano, com variação positiva de 10,5%. O retorno sobre o patrimônio líquido do banco alcançou 22,3% no primeiro trimestre deste ano.

O Santander deve divulgar os resultados referente ao segundo trimestre no dia 29 de julho.

Laura Moutinho

Compartilhe sua opinião