Negócios

Resumo da Semana: Previdência; Magazine Luiza; Itaú Unibanco; Guerra Comercial

0

A terceira semana do mês de novembro contou com diversas notícias que agitaram o mercado interno e, também, o cenário internacional. No Resumo da Semana do SUNO Notícias você acompanha todas as notícias mais relevantes dos últimos sete dias.

O Senado Federal aprovou, nesta semana, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) paralela e esse é um dos destaques do Resumo da Semana. Além disso, a Magazine Luiza anunciou uma nova parceria com a Marisa. A semana ainda contou com mais notícias sobre a Guerra Comercial.

Black Friday Suno – as melhores análises sobre investimentos com descontos incríveis! Cadastre-se para ser o primeiro a saber.

Confira os principais pontos do Resumo da Semana:

Previdência

Para iniciar o Resumo da Semana, separamos a notícia sobre a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) paralela no Senado Federal, realizada na noite da última terça-feira (19), como o principal destaque. O relatório altera tópicos da reforma da Previdência.

A votação contou com com 53 votos favoráveis e sete contrários. Entre as alterações, a medida inclui estados e municípios na reforma da Previdência.

“Vamos entregar [a PEC] agora para a Câmara, que naturalmente terá um longo debate nas comissões. Mas, sem dúvida nenhuma, é uma resposta do Senado ao equilíbrio fiscal dos estados e municípios”, disse o presidente do Senado, Davi Alcolumbre.

Após a aprovação no Senado, a proposta será encaminhada à Câmara dos Deputados. Além da inclusão de estados e municípios, a PEC altera também algumas das regras para a aposentadoria.

Magazine Luiza

O Magazine Luiza (MGLU3) teve mais uma semana de brilho no mercado, chamando a atenção por fazer uma nova parceria. A varejista anunciou, na última quinta-feira (21), que irá comercializar produtos do setor eletrônico na lojas físicas da Marisa. O projeto é denominado “store in store”. Serão mais de 500 lojas da varejista de moda com o serviço incluso.

O principal objetivo do Magazine Luiza é expandir sua base de clientes de forma significativa com a nova operação. A varejista oferecerá smartphones e acessórios para eletrônicos, além de serviços digitais como:

  • Magalu Conecta
  • Maga Mais
  • Cartões de conteúdo

Ademais, a varejista também terá em seu leque de serviços o fornecimento de garantia estendida e proteção contra roubo e furto ou quebra acidental de aparelhos eletrônicos.

Black Friday Suno – as melhores análises sobre investimentos com descontos incríveis! Cadastre-se para ser o primeiro a saber

“Vale ressaltar que o Magalu será responsável pela estratégia comercial, disponibilidade de produtos, faturamento, financiamento, logística, contratação e gestão dos colaboradores”, informou a empresa.

Clientes que moram no Rio de Janeiro e em Brasília tem motivos para comemorar. Isso porque a varejista ainda não possui lojas físicas nos dois locais e a opção “Retire na Loja” agora ficará disponível com a parceria firmada com a Marisa. Dessa forma, será possível a retirada de produtos diretamente na varejista de moda.

A Marisa, assim como a Magalu, espera alavancar seu mix de produtos além de aumentar o fluxo de clientes em loja.

Itaú

A Prefeitura de São Paulo multou o Itaú Unibanco (ITUB3; ITUB4) em R$ 3,8 bilhões por uma suposta fraude fiscal. A informação inicialmente foi divulgada pelo jornal “Folha de S.Paulo” na manhã desta sexta-feira (22).

Uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) foi realizada na Câmara para investigar uma possível sonegação tributária de grandes bancos. O Itaú, como outras instituições bancárias, transferiu sua sede para uma cidade próxima da capital, tendo que arcar com uma menor tributação.

Black Friday Suno – pague 2 anos e leve 3 nas principais assinaturas da Suno Research

O maior banco privado do Brasil chegou a fechar um acordo com a Câmara paulista em maio para trazer de volta à cidade as sedes da Rede, sua credenciadora de pagamentos, e das operações de leasing e cartões. O retorno equivaleria a uma arrecadação de aproximadamente R$ 230 milhões em impostos.

Após as informações publicadas pela imprensa nesta sexta, o banco confirmou que sua controlada foi multada pela Prefeitura por suposta infração à legislação tributária do município, não tendo recolhido o ISS (Imposto sobre Serviços) aos cofres públicos municipais no que diz respeito às atividades da Rede.

Confira: Qualidade dos impostos no Brasil é ruim, diz executivo do Itaú

“O Itaú Unibanco esclarece que segue rigorosamente a legislação tributária e recolhe todos os tributos devidos, sendo que as operações da Itaucard em Poá, antiga sede da sociedade, sempre foram devidamente conduzidas na cidade, com estrutura de pessoal, espaço físico e tecnologia compatíveis com as atividades realizadas”, afirmou em nota a instituição financeira.

Guerra Comercial

Para fechar o Resumo da Semana, a Guerra Comercial teve mais novidades. O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, declarou na útlima terça-feira (19) que aumentará as tarifas sobre as importações de produtos chineses caso não seja fechado nenhum acordo comercial com Pequim para acabar com a atual guerra comercial retaliatória que vem travando as economias de ambos países.

“Se nós não conseguirmos um acordo com a China, eu simplesmente aumentarei ainda mais as tarifas“, disse Trump que também afirmou que a China terá que fechar um acordo para encerrar a guerra comercial.

Nesta sexta-feira (22), o presidente da China, Xi Jinping, afirmou que se for preciso irá retaliar os Estados Unidos, no entanto, o país asiático está trabalhando para alcançar um acordo baseado no “respeito mútuo e igualdade”.

“Se necessário, retaliaremos, mas estamos trabalhando ativamente para tentar não ter uma guerra comercial. Nós (China) não iniciamos essa guerra comercial e não é algo que queremos”, afirmou Jinping durante um fórum econômico em Pequim.

O mandatário do país asiático informou ainda que não tem medo dos EUA. “Sempre dissemos que não queríamos começar uma guerra comercial, mas não temos medos”, disse.

Black Friday Suno – pague 2 anos e leve 3 nas principais assinaturas da Suno Research

A disputa comercial com os norte-americanos “pode afetar as perspectivas futuras da economia mundial, por isso é uma questão muito importante para prestar atenção”, completou o presidente chinês.

No início da semana, entretanto, o vice-primeiro-ministro chinês e líder das negociações comercias da China, Liu He, declarou que o país estava “cautelosamente otimista” com o desdobramento da guerra comercial.

Fique ligado no Resumo da Semana da Suno Notícias para ficar por dentro de todas as informações mais relevantes dos últimos dias.

Compartilhe a sua opinião

Juliano Passaro
Juliano Passaro escreve sobre política, economia e negócios para o portal da Suno Research. Antes da Suno, trabalhou no Portal da Band. É formado em jornalismo pela Universidade Presbiteriana Mackenzie.