Rappi recebe aporte de US$ 300 mi em nova rodada de investimento

Rappi recebe aporte de US$ 300 mi em nova rodada de investimento
O Rappi captou US$ 300 milhões em uma nova rodada de investimentos de fundos internacionais

A plataforma de serviços de entrega Rappi informou na última quinta-feira (24) recebeu um aporte de US$ 300 milhões (equivalente a R$ 1,65 bilhão) em uma nova rodada de investimento que contou T. Rowe Price Associates e outros fundos internacionais.

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! cadastro feitocom sucesso.

lead suno background

“Nós estamos felizes em trabalhar com esse time de investidores que confiam em nosso modelo de crescimento, que credita na nossa região e no papel que desempenhamos”, salientou o Rappi em comunicado.

De acordo com documento enviado à Securities and Exchange Commission (SEC, o órgão regulador do mercado de capitais dos Estados Unidos), a startup colombiana visava levantar US$ 350 milhões na rodada de investimento.

Conheça o Suno One, a central gratuita de informações da Suno para quem quer aprender a investir. Acesse clicando aqui.

A empresa não especificou no documento o que objetiva realizar com os recursos captados, no entanto a expectativa é de que a cifra seja destinada para expandir suas operações nos nove países em que atua na América Latina.

Fundado em 2015, o Rappi possui um valor de mercado de US$ 3,5 bilhões, com investidores como o conglomerado japonês SoftBank, Andreesen Horowitz, DST Global, Delivery Hero, Y Combinator e Sequoia Capital.

Rappi lança reconhecimento facial para identificar entregadores

O aplicativo anunciou no início do mês um sistema de reconhecimento facial para identificar um entregador parceria, com o objetivo de elevar a sofisticação das medidas de segurança para clientes.

A plataforma de entregas comunicou ainda que irá bloquear as contas de entregadores que não cumprirem os termos e condições do aplicativo ou por descumprimento dos protocolos de segurança.

O novo sistema de reconhecimento facial irá ajudar a prevenir a abertura de novas contas por essas pessoas. O Rappi também informou que está trabalhando com uma startup de validação de antecedentes criminais, assim como com as autoridades locais, para verificar a identidade dos entregadores.

Arthur Guimarães

Compartilhe sua opinião