Economia

PIB brasileiro reverte queda e cresce 0,2% no 2° trimestre, afirma FGV

0

O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro registrou crescimento de 0,2% no segundo trimestre na comparação com o primeiro. Dessa forma, a economia brasileira reverteu a queda de 0,1% registrada nos primeiros meses do ano.

De acordo com os dados divulgados pela Fundação Getulio Vargas (FGV), em relação a maio, junho registrou crescimento de 0,7% da economia. Por sua vez, em comparação interanual o PIB cresceu 0,7%, mantendo a taxa de crescimento acumulada em 12 meses em 0,9%.

“O crescimento de 0,2% da economia neste segundo trimestre põe a economia de volta a trajetória de crescimento que havia se perdido no primeiro trimestre”, afirma o coordenador do Monitor do PIB-FGV, Claudio Considera.

Além disso, o coordenador afirma que “entre os três grandes setores, a agropecuária e a indústria apresentam taxas negativas, salvando-se os serviços que já apresenta taxas positivas há dez trimestres. Na comparação contra o mesmo trimestre do ano anterior, o crescimento é fraco, mas positivo como já ocorre desde o quarto trimestre de 2016. Os dados mostram que, apesar do crescimento, a economia ainda não consegue se expandir a taxas mais robustas”

No acumulado do primeiro semestre, de acordo com a FGV, em termos monetários, o PIB alcançou aproximadamente R$3,469 trilhões.

PIB

O PIB é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país e serve para medir a evolução da economia.

  • consumo das famílias: + 2,1%;
  • formação bruta de capital fixo: + 4,0%
  • exportação: + 2,6%
  • importação: + 4,5%

A comparação tem como base o segundo trimestre deste ano com o mesmo trimestre no ano passado.

Indicadores de outras economias

Além do Brasil, outras economias divulgaram dados do Produto Interno Bruto.

Nesta quarta-feira, o PIB trimestral da zona do euro foi divulgado. O avanço foi de somente 0,2% nos meses de abril a junho deste ano. No primeiro trimestre de 2019, o crescimento registrado foi de 0,4%.

O PIB da Alemanha teve uma baixa de 0,1% no segundo trimestre. A produção industrial da maior potência econômica da Europa caiu 1,8% no trimestre em comparação aos primeiros três meses do ano.

Saiba Mais: PIB da zona do euro cresce apenas 0,2% no segundo trimestre

Em Portugal, a queda na produção industrial de junho foi de 4,5%, em relação a maio deste ano. Em contrapartida, o país divulgou o crescimento de 0,5% entre abril e junho, em comparação com o primeiro trimestre.

O PIB do Reino Unido também registrou uma contração. O percentual foi de 0,2% neste segundo trimestre, em comparação aos primeiros três meses do ano. Os dados foram divulgados no dia 9 de agosto.

Compartilhe a sua opinião

Poliana Santos
Poliana Santos escreve sobre economia e política para o portal Suno Notícias. Antes, colaborou na Rádio Gazeta AM, onde era responsável pela produção do programa Bom Dia Gazeta. É estudante da Faculdade Cásper Líbero.