Guedes critica Trump por acusar o Brasil de desvalorizar o real

Guedes critica Trump por acusar o Brasil de desvalorizar o real
Paulo Guedes: BC irá "chuveirar dinheiro" caso haja depressão econômica

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, cometeu um grande equívoco ao dizer que o Brasil está promovendo uma desvalorização artificial do câmbio.

“Nós só mudamos o nosso mix macroeconômico. Agora, em vez de fiscal frouxo e freio monetário, com câmbio supervalorizado derrubando as exportações, o Brasil caiu numa posição correta”, disse Paulo Guedes em entrevista ao site “O Antagonista”.

Guedes ainda afirmou que Trump só fez esse pronunciamento por conta da eleição dos EUA, que ameaça o cargo do mandatário norte-americano. “Acho que é política, eleição chegando. Ele quer dizer para todo mundo que está de olho nos seus eleitores”, disse.

O presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, afirmou no mesmo dia da declaração de Trump, sobre as tarifas de alumínio e aço, que Guedes poderia falar com o presidente dos EUA sobre as medidas tomadas. Entretanto, o ministro da Economia afirmou que não ligou para a equipe econômica de Trump para discutir a taxação do aço brasileiro. “Há coisas que é preciso refletir, deixar amadurecer”, disse o ministro.

Guedes também salientou que o País está promovendo um processo de abertura econômica, com medidas como a elevação de cota de importação de etanol sem tarifas e da importação de trigo dos Estados Unidos.

“Queremos abrir nossa economia independentemente de políticas protecionistas dos outros. Nós acreditamos que há ganho de comércio para nós e quem quiser trabalhar conosco será muito bem vindo – isso vale para os Estados Unidos, que é a maior economia, temos interesse”, afirmou o ministro.

Reação de Bolsonaro sobre as tarifas impostas por Trump

Bolsonaro disse, na última segunda-feira (2), que conversaria com o ministro da Economia, Paulo Guedes, para avaliar a decisão dos Estados Unidos sobre impor tarifas sobre aço e alumínio.

Veja também: Ministro Paulo Guedes quer privatizar Banco do Brasil, diz jornal

“Vou falar com Paulo Guedes hoje. Alumínio? Vou falar com o Paulo Guedes agora. Se for o caso, ligo pro Trump, eu tenho um canal aberto com ele. Converso com o Paulo Guedes e depois dou uma resposta, para não ter que recuar”, disse Bolsonaro aos jornalistas no Palácio da Alvorada.

Juliano Passaro

Compartilhe sua opinião