OCDE: EUA defenderá fortemente a entrada do Brasil, diz Pompeo

OCDE: EUA defenderá fortemente a entrada do Brasil, diz Pompeo
OCDE: EUA defenderá fortemente a entrada do Brasil, diz Pompeo

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, disse, nesta terça-feira (21), que o governo de Donald Trump defenderá fortemente a entrada do Brasil na Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

De acordo com o secretário, as amplas reformas que estão ocorrendo no Brasil fazem com que o governo norte-americano priorize a entrada do País na OCDE.

Nesta tarde, Pompeo e o ministro das Relações Exteriores do Brasil, Ernesto Araújo, se encontraram para debater o processo de entrada do Brasil na organização. O secretário norte-americano escreveu, por meio de uma publicação no Twitter, que está satisfeito com o encontro com Araújo.

“Satisfeito por encontrar Ernesto Araújo de novo para discutir a parceria entre Estados Unidos e Brasil. As amplas reformas econômicas do Brasil estão transformando a maior economia da América Latina, e nós vamos defender fortemente um convite ao Brasil para começar o processo de adesão à OCDE”, escreveu Pompeu.

Delighted to see @ernestofaraujo again to discuss the U.S.-#Brazil partnership. Brazil’s sweeping economic reforms are transforming Latin America’s largest economy, and we will advocate strongly for an invitation to Brazil to begin the accession process to the #OECD. pic.twitter.com/PRBdpLt9kB

— Secretary Pompeo (@SecPompeo) 21 de janeiro de 2020

A declaração do secretário acontece uma semana após a embaixada dos Estados Unidos em Brasília divulgar uma nota afirmando que o país apoia a entrada do Brasil na organização. A prioridade dada ao Brasil faz com que o País ocupe a vaga que era da Argentina na fila de postulantes a entrar na organização de países ricos.

Governo criará secretária para agilizar entrada na OCDE

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse, na última quinta-feira (16), que o governo federal criará uma secretaria especial para tornar mais rápido o ingresso do Brasil na OCDE.

Saiba mais: OCDE: Governo criará secretaria para agilizar ingresso do Brasil

A função da nova secretaria será melhorar a relação do Brasil com os países membros da organização. A secretária será comendada pelo sub-chefe de Análise e Acompanhamento de Políticas Governamentais na Casa Civil, Marcelo Gomes.

“A função dela [secretaria] é poder melhorar nossa relação com o organismo internacional, com países membros que sejam mais fortes dentro da OCDE, buscar cada um dos passos de acreditação para que o Brasil, no mais curto espaço de tempo, possa ser membro desse time, que é o time que vence no mundo”, disse o ministro.

Além disso, o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou, nesta terça-feira durante uma coletiva de imprensa em Davos, que a entrada na OCDE demora cerca de três anos, no entanto, a previsão é do governo brasileiro é de levar somente dois anos.

Giovanna Oliveira

Compartilhe sua opinião