Finanças pessoais

Mutual oferece crédito de até R$ 1.000 com taxa de juros de 1% para MEIs

0

A fintech Mutual anunciou nesta terça-feira (14) que emprestara até R$ 1.000 a Microempreendedores Individuais (MEIs) e a autônomos. Para a operação será cobrada uma taxa de juros de 1% ao mês.

A Mutual lançou nesta terça-feira a campanha “Invista no Pequeno”, com objetivo de incentivar as pessoas, assim como fundos de investimento a emprestarem a trabalhadores informais e com condições especiais. Dessa forma, o crédito disponível será de P2P (crédito de pessoa para pessoa), enquanto a fintech fará a mediação.

 

Os interessados em pedir um empréstimo devem se cadastrar no aplicativo da Mutual para solicitar o crédito. É necessário preencher a documentação exigida, como números de MEI, para confirmação da atividade exercida. Desse modo, a aprovação do pedido ocorre no prazo de até cinco dias e a primeira parcela do pagamento será em 90 dias. A instituição avalia que por meio dessa campanha sejam emprestados cerca de R$ 20 milhões.

Mutual não terá lucro sobre a campanha

O projeto da fintech foi lançado em meio a crise da pandemia do novo coronavírus. Nesse sentido, o CMO (Chief of Marketing Office, na sigla em inglês) e sócio-fundador da Mutual, Victor Fernandes, afirmou que a fintech não terá lucro sobre o serviço. Em entrevista a revista Exame, o executivo explicou que a comissão da plataforma foi zerada e, desse modo, a empresa não terá ganhos pela campanha.

Saiba mais: 70% dos inscritos no CadÚnico podem receber coronavoucher

“Abrimos em caráter excepcional. É um momento difícil para conseguir crédito no mercado. O crédito fica retraído e a inadimplência aumenta, o que dificulta, principalmente, para os pequenos”, declarou o executivo da Mutual.

Qualquer pessoa pode usar o aplicativo, se cadastrar e emprestar dinheiro a empreendedores, inclusive amigos, familiares ou conhecidos. O pequeno investidor também poderá escolher um empreendedor de um determinado setor para direcionar os recursos, como MEIs do segmento de beleza, transporte, entre outros. Dessa forma, os investidores cadastrados na campanha da Mutual terão um retorno de 1% após 90 dias.

Telegram Suno

Compartilhe a sua opinião

Arthur Oliveira
Arthur Oliveira escreve sobre política, economia e negócios para o portal de notícias da Suno Research. Atualmente, é estudante de jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero.