Mirae troca JBS (JBSS3) por Marfrig (MRFG3) em carteira recomendada

Mirae troca JBS (JBSS3) por Marfrig (MRFG3) em carteira recomendada
Mirae troca duas ações em carteira recomendada semanal

A Mirae Asset informou nesta segunda-feira (8) que fez apenas uma alteração na carteira recomendada semanal de ações do Ibovespa, o principal índice acionário da bolsa de valores de São Paulo (B3). A gestora trocou as ações de JBS (JBSS3) pelos papéis da Marfrig (MRFG3).

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! cadastro feitocom sucesso.

lead suno background

Segundo a Mirae, o período continua com grandes incertezas, dado que a retomada da economia mundial ainda passa pelo novo coronavírus (covid-19) e como ele ainda pode afetar o mundo. A expectativa permanece a mesma das semanas anteriores.

“Temos que ficar de olho no avanço do covid-19 no mundo, que se mostra um fator de grande preocupação para a retomada da economia mundial e eventual informação sobre o avanço da vacina para cura da doença. Qualquer informe sobre estes temas terá força para influenciar o mercado financeiro global”, afirmou, em nota, Pedro Galdi, analista responsável pela carteira.

No Suno One você aprende a fazer seu dinheiro trabalhar para você. Cadastre-se gratuitamente agora!

Além disso, a semana promete um série de dados que darão o tom sobre a recuperação econômica tanto no Brasil quanto em países da Europa e EUA.

“Na próxima semana a agenda econômica será pesada, sendo os destaques do nosso lado a Ata do Copom na terça-feira e o IPCA-15 na quarta-feira e o Banco Central divulga o RTI – Relatório Trimestral de Inflação na quinta-feira”, afirmou.

“No exterior os destaques ficam com dados de atividades (PMI indústria e serviços) na Zona do Euro e EUA na quarta-feira e o presidente do FED, Jerome Powell, realiza discurso na quinta-feira. A busca por entendimento entre republicanos e democratas para o novo pacote de estímulo também ficará no radar, já que está ocorrendo pressão de parte de membros dos dois partidos para que se encontre uma solução para esta pendência”, completou o analista, em nota.

Mirae opta por Marfrig

A Mirae informou que a Marfrig ocupou o lugar da JBS na carteira recomendada semanal pois o resultado apresentado no segundo trimestre ficou acima do esperado e isso deve se refletir nas ações da companhia.

“O lucro líquido consolidado foi de R$ 1,549 bilhão, com significativo aumento em relação ao 2T19, impactado pelo aumento de resultado operacional e financeiro melhor do que o esperado. Foi um resultado muito acima da expectativa, beneficiado por volumes, preços e variação cambial, aliado e eficiência operacional e queda nos spreads, principalmente nos Estados Unidos”, disse, em nota, Pedro Galdi.

“Continuamos esperado um cenário ainda favorável para o setor de carnes, com preços elevados, o que deverá continuar beneficiando a Marfrig, principalmente devido à forte demanda da China. Mesmo no atual cenário de covid-19”, afirmou a gestora, em nota.

Segundo a gestora, o bom resultado foi resultado dos melhores preços praticados pelo mercado.

“No 2T20, a receita líquida consolidada da Marfrig foi de R$ 18,881 bilhões, 61% superior ao 2T19. Este aumento é justificado pelos melhores preços praticados, principalmente no mercado doméstico na Operação América do Norte e maiores volumes e preços de exportação da Operação América do Sul. No 2T20, a receita líquida em dólares representou 93% da receita total, fator relevante decorrente da soma da geração “natural” de receitas na América do Norte com as exportações da América do Sul. Sob outra ótica, apenas 5% da receita da companhia foi originada em reais”, disse a Mirae.

Vinicius Pereira

Compartilhe sua opinião