Natura (NTCO3), Microsoft e outras se unem para reduzir carbono

Natura (NTCO3), Microsoft e outras se unem para reduzir carbono
Natura (NTCO3), Microsoft e outras se unem para reduzir carbono

Gigantes como Microsoft, Nike, Starbucks, Unilever e a brasileira Natura &Co (NTCO3) fecharam um acordo nesta terça-feira (21) para compartilhar recursos e táticas voltados para a redução das emissões de carbono.

As companhias formaram um consórcio com o objetivo de reunir esforços de algumas das maiores empresas do mundo, que se comprometeram a adotar medidas contra a mudança climática. Batizado de “Transform to Net Zero”, além da Natura, o grupo também inclui a montadora Mercedes-Benz; a gigante dinamarquesa de transporte marítimo A.P. Moller-Maersk; a empresa indiana de tecnologia da informação Wipro.

A proposta é trabalhar com o Fundo de Defesa Ambiental, que não possui fins lucrativos, e compartilhar informações sobre corte de emissão. O grupo, que planeja recrutar ainda mais empresas, também deve discutir investimentos em tecnologia de redução de carbono e coordenação de metas de políticas públicas.

No Suno One você aprende a fazer seu dinheiro para trabalhar para você. Cadastre-se gratuitamente agora!

A Microsoft havia anunciado em janeiro deste ano que planeja se tornar negativa em carbono até 2030, isto é, a companhia espera remover mais dióxido de carbono da atmosfera do emite em questão de 10 anos.

Para isso, a gigante do Vale do Silício destinou US$ 1 bilhão (equivalente a R$ 5,21 bilhões na cotação atual do dólar) para um fundo inovação climática, com o intuito de investir em formas de diminuir e remover emissões de carbono, um dos planos corporativos mais ambiciosos.

Nesse mesmo sentido, a Microsoft pretende, até 2050, retirar do meio ambiente o correspondente a todas as suas emissões desde a fundação da empresa em 1975.

Natura investirá US$ 800 mi em sustentabilidade

A Natura anunciou, em meados do mês passado, um plano de investimento de US$ 800 milhões (equivalente a R$ 4,12 bilhões), ou mais, em sustentabilidade ao longo dos próximos 10 anos.

Saiba mais: Natura (NTCO3) lançará plataforma de crédito para estudo das consultoras

Dessa forma, a Natura informou que o plano tem como objetivo intensificar ações de âmbito global, em segmentos como crise climática; proteção da Amazônia; defesa dos direitos humanos; garantia de igualdade e inclusão em toda a sua rede.

Arthur Guimarães

Compartilhe sua opinião