Resultado da Klabin (KLB11) fica acima do esperado, diz BTG

Resultado da Klabin (KLB11) fica acima do esperado, diz BTG
BTG Pactual (BPAC11) avaliou que a Klabin (KLBN11) apresentou um resultado "ligeiramente" acima das expectativas.

O BTG Pactual (BPAC11) avaliou em seu relatório nesta segunda-feira (26), após a divulgação dos resultados operacionais da Klabin (KLBN11), que a fabricante de celulose apresentou um resultado “ligeiramente” acima das expectativas.

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

lead suno background

Segundo o BTG Pactual, a alavancagem da dívida permaneceu mais contida do que os especialistas haviam estimado. O endividamento líquido da Klabin alcançou R$ 21 bilhões, crescimento de 39% em comparação com o mesmo período no ano passado, dessa forma, a alavancagem, medida em dólares, aumentou de 3,6 vezes no segundo trimestre para 4,0 vezes.

Um ano antes, a alavancagem era de 3,1 vezes. Em reais, a alavancagem chegou a 4,6 vezes, ante 4,4 vezes no trimestre anterior e 3,4 vezes um ano antes. “No geral, a Klabin, mais uma vez, apresentou um bom desempenho operacional”.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Video Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

Na análise dos especialistas, o fluxo de caixa, de R$ 600 milhões, também veio acima das expectativas. “Continuamos gostando do modelo de negócios, visto que vemos sinergias relevantes entre as operações e acreditamos que a empresa deve continuar a entregar sua história de crescimento”.

O BTG concluiu que “reiteramos nossa compra, pois ainda vemos o lado positivo baseado em Demonstrativo de Fluxo de Caixa (DFC)”.

Klabin tem prejuízo de R$ 191 milhões no 3T20

A Klabin registrou um prejuízo de R$ 191 milhões no terceiro trimestre de 2020. A fabricante de celulose reverteu o lucro líquido de R$ 207,4 milhões registrado no mesmo período no ano passado.

A receita líquida teve crescimento de 25%, em comparação com o ano passado, alcançando R$ 3,1 bilhões. O volume de vendas totalizou 910 mil toneladas, alta de 14%, devido a diversificação de produtos. Já o Ebitda ajustado (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de R$ 1,23 bilhões, queda de 12% na comparação anual.

As despesas com vendas foram de R$ 296 milhões no período, equivalente a 9,5% da receita líquida no trimestre. Segundo a companhia, esse valor tem se mantido no mesmo patamar verificado nos últimos trimestres.

Ao longo do terceiro trimestre, a Klabin investiu R$ 1,3 milhões em suas operações e em projetos de expansão.

Poliana Santos

Compartilhe sua opinião