JBS (JBSS3): acionista abre arbitragem pedindo indenização por escândalos

JBS (JBSS3): acionista abre arbitragem pedindo indenização por escândalos
O objetivo da divulgação da antecipação do voto do BNDES é apontar que a JBS tentar incluir itens ilegais na pauta da AGE

A JBS (JBSS3) comunicou nesta quinta-feira (22) o recebimento de uma carta do Fundo SPS sobre um pedido de arbitragem no qual o acionista pede que a empresa seja indenizada por Joesley Batista, Wesley Batista, da família controladora, e executivos da holding J&F por “todos os prejuízos causados à companhia”.


De acordo com a carta publicada pela empresa de alimentos, a arbitragem aberta pela SPS e por outro acionista cujo nome não foi divulgado solicita que os controladores da JBS indenizem a companhia por danos provocados depois de terem se tornado públicos os acordos de colaboração premiada firmados pelos delatores com o Ministério Público Federal (MPF).

Segundo o documento, “os procedimentos arbitrais já estão em fase avançada” e “a sentença parcial unânime já reconheceu a legitimidade do Fundo SPS para pleitear, em favor da JBS, todos os danos sofridos pela companhia em razão dos ilícitos confessados nos acordos de colaboração”.

Conheça o Suno One, a central gratuita de informações da Suno para quem quer aprender a investir. Acesse clicando aqui.

Na carta não são revelados os valores da indenização, assim como no documento enviado pela JBS à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), tampouco é citado o nome da câmara de arbitragem que está encarregada do assunto.

Acionista da JBS vai na contramão do BNDES

A carta veio à público depois de o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), dono de cerca de 22% das ações da exportadora por meio do BNDESPar, acusar a JBS de tentar esvaziar o poder dos minoritários. O braço de investimento direto do banco de fomento defende que a companhia abra um procedimento arbitral contra controladores.

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

lead suno background

A SPS, contudo, alega que uma nova ação não traria qualquer vantagem para os acionistas da empresa. O documento foi divulgado dias antes da assembleia de acionistas da JBS, prevista para o dia 30 de outubro, que terá como pauta o processo contra a família Batista.

Arthur Guimarães

Compartilhe sua opinião