Ibovespa sobe 1,6% na abertura, refletindo o avanço das vendas no varejo

Ibovespa sobe 1,6% na abertura, refletindo o avanço das vendas no varejo
Confira a agenda de balanços trimestrais desta semana

O Ibovespa abriu em alta nesta quarta-feira (8), após a divulgação de um crescimento de 13,9% nas vendas no varejo em maio, após o tombo de abril.

Por volta das 10h35, o Ibovespa variava positivamente 1,59%, a 99.312,07 pontos. Segundo o Ipea, os investimentos no Brasil cresceram mais de 28% em maio, mas ainda permanecem em queda na comparação anualizada.

Além disso, os investidores seguem atentos ao noticiário corporativo, como a divulgação do resultado da Camil e a oferta de ações da XP.

No Suno One você aprende a fazer seu dinheiro trabalhar para você. Cadastre-se gratuitamente agora!

Vendas no varejo sobem após tombo

O comércio varejista registrou um crescimento no volume de vendas em maio em comparação a abril. O avanço nas vendas no varejo foi de 13,9% em relação ao mês anterior. Esta foi a maior alta da série histórica da pesquisa, iniciada em janeiro de 2000.

O crescimento acontece após o mês de abril registrar um tombo recorde de 16,3% em comparação a março. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Na série sem ajuste sazonal, em relação a maio do ano passado, o comércio varejista registrou uma baixa de 7,2%. No acumulado deste ano, as vendas no varejo ainda têm queda de 3,9%. O acumulado nos últimos 12 meses, entretanto, permanece estável em 0,0%.

O avanço em maio indicou uma recuperação do comércio varejista depois de dois meses de queda por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19) e o isolamento social iniciado em março. O mês em questão apresentou taxas positivas em todas as oito atividades pesquisadas.

Investimentos no País crescem 28% em maio

Os investimentos no Brasil registram aumento de 28,2% no volume em maio ante mês de abril na série com ajuste sazonal, conforme apontou o indicador de formação bruta de capital fixo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

Os números subiram depois de dois meses de baixas expressivas devido à pandemia. Em março e abril, os investimentos mostraram queda de 13,4% e 27,5%, respectivamente, revelando os impactos da crise sobre a economia brasileira.

Veja também: Criador da Ricardo Eletro é preso por sonegação fiscal

“O principal componente para o indicador de investimentos foi o consumo aparente de máquinas e equipamentos, puxado pelas importações”, afirmou o diretor de estudos do Ipea, José Ronaldo Souza Júnior, ressaltando que o segmento de construção registrou forte expansão.

Apesar de apresentarem um crescimento em maio deste ano, os investimentos ainda ficaram 19,6% menores ante maio do ano passado. Isso denota que “temos um caminho a percorrer para atingir o nível anterior à crise”, salientou o diretor do Ipea.

Noticiário corporativo

Camil

A Camil (CAML3) apresentou, na noite da última terça-feira (7), um lucro líquido de R$ 109,5 milhões referente ao primeiro trimestre deste ano. O resultado é equivalente a uma alta de 119,8% sobre o mesmo período do ano passado.

A administração da empresa destacou que “diante das incertezas econômicas, de forma preventiva, garantiu a necessidade financeira para o ano de 2020, por meio da captação de empréstimos no valor de aproximadamente R$ 1,2 bilhão no trimestre”.

Azul

A Azul (AZUL4) informou, na última terça-feira, que o tráfego de passageiros (RPK) aumentou 43,6% em junho, em comparação com maio de 2020. A oferta de assentos (ASK) da Azul cresceu 37,1%, resultando em uma taxa de ocupação de 75,5%, aumento de 3,5 pontos percentuais. A taxa de ocupação doméstica foi de 75,7% e a internacional 74,3%.

Confira: IBM compra empresa brasileira do setor de automação de processos

“Em julho, esperamos fazer 240 decolagens em dias de maior demanda, para 72 cidades, e em agosto teremos 303 decolagens em dias de pico, para 80 cidades”, completou Rodgerson.

XP Inc.

A XP Inc. (NASDAQ: XP) confirmou, na última terça-feira, que o lote adicional da oferta subsequente de ações (follow-on) será exercido. Dessa forma, serão movimentados US$ 954,79 milhões (cerca de R$ 5,13 bilhões) na operação.

Ao todo, serão vendidas 22.465.733 ações classe A, precificadas em US$ 42,50 — valor 9% abaixo da atual cotação das ações da empresa, de US$ 46,75. A XP Controle permanecerá com uma fatia de 23,14% de participação financeira, mas com 54,79% do poder de voto.

Maiores altas e baixas do Ibovespa

Confira algumas das maiores altas e baixas das ações do Ibovespa por volta das 10h40.

Bolsas no exterior

Além do Ibovespa, confira o desempenho dos principais índices acionários no exterior.

  • Londres (FTSE 100): -0,42%
  • Frankfurt (DAX 30): -0,70%
  • Paris (CAC 40): -1,20%
  • Milão (FTSE/MIB): -0,37%
  • Xangai (SSEC): +1,74% (fechada)
  • Tóquio (Nikkei 225): -0,78% (fechada)
  • Nova York (S&P 500) futuro: +0,56%

Última cotação

Na sessão da última terça-feira, o Ibovespa fechou em queda de 1,19%, a 97.761,04 pontos.

Jader Lazarini

Compartilhe sua opinião