Mercado

Ibovespa fecha em queda com adiamento do parecer da Previdência

0

O Ibovespa encerrou em baixa de 0,36% a 97.466,69 pontos nesta segunda-feira (10). A queda foi gerada tanto pelo cenário interno, quanto o externo.

No cenário doméstico, o adiamento da apresentação do parecer da reforma da Previdência na comissão especial desestimulou os ganhos do Ibovespa. No exterior, Trump voltou a fazer ameaças comerciais ao México e a China. Apesar do acordo migratório fechado com o país vizinho.

A pontuação mínima do Ibovespa foi de 96.782,23 pontos e a máxima de 97.856,00 pontos.

Parecer da reforma da Previdência é adiado

A apresentação do parecer da reforma da Previdência da comissão especial da Câmara estava agendada para esta segunda-feira (10). Contudo, na véspera, o relator informou o adiamento da apresentação. Deste modo, o parecer deve ser de conhecimento dos deputados na próxima quinta-feira (13).

Samuel Moreira, o relator da comissão especial, também informou que pode haver acréscimo de pontos ao texto aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Uma nova regra de transição pode ser inserida à proposta da reforma da Previdência.

Saiba mais – Parecer da reforma da Previdência deve ser apresentado na quinta-feira

Focus reduz projeção de PIB para  1%

Boletim Focus, compilado semanalmente pelo Banco Central (BC), reduziu pela 15ª vez consecutiva a projeção de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil de 2019. De 1,13% a estimativa caiu a 1%.

Saiba mais – Boletim Focus: PIB é reduzido pela 15ª vez; nova previsão é de 1%

Trump ameaça novamente China e México

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, novamente, ameaçou a China e o México com a possibilidade de impor tarifas de importação aos países:

  1. China: caso não ocorra o encontro entre Trump e o presidente da China, Xi Jinping, na cúpula do G20, o líder norte-americano irá elevar as tarifas alfandegárias ao país asiático.
  2. México: caso um ponto, não identificado, do acordo migratório assinado com os mexicanos, não seja aprovado pelo Legislativo, Trump afirmou que irá impor taxas sobre os vizinhos.

Saiba mais – Trump ameaça novamente China e México com taxas sobre importação

Caixa fará oferta secundária de ações da Petrobras

A Caixa Econômica Federal (CEF) deve realizar uma oferta secundária de suas ações ordinárias (ON) da Petrobras (PETR3). A medida foi divulgada pela petroleira nesta segunda-feira (10), e devem ser negociadas 241,34 milhões de ações.

Desde o início do ano a Caixa já havia informado a pretensão de negociar os papéis da estatal.

Saiba mais – Caixa vai ofertar suas 241,34 milhões de ações ON da Petrobras

Bolsas internacionais

  • Nasdaq (Estados Unidos): alta de 1,05%
  • FTSE 100 (Reino Unido): alta de 0,59%
  • Nikkei (Japão): alta de 1,20%
  • CAC40 (França): alta de 0,34%

Maiores altas do Ibovespa

  • BRFS3 alta de 4,13% (R$ 27,24)
  • CSNA3 alta de 3,8% (R$ 17,22)
  • HYPE3 alta de 3,35% (R$ 28,99)
  • BTOW3 alta de 2,96% (R$ 31,99)
  • GOLL4 alta de 2,54% (R$ 30,74)

Maiores quedas do Ibovespa

  • CIEL3 queda de 2,84% (R$ 6,51)
  • CMIG4 queda de 2,51% (R$ 14,77)
  • ENBR3 queda de 2,27% (R$ 19,37)
  • BRDT3 queda de 2,14% (R$ 24,28)
  • SANB11 queda de 2% (R$ 44,20)

Compartilhe a sua opinião

Amanda Gushiken
Amanda Sayuri Gushiken escreve sobre finanças e negócios para o portal Suno Notícias. Antes, trabalhou selecionando notícias da imprensa para clientes do mercado financeiro. Também desenvolveu pesquisa acadêmica pela Universidade Anhembi Morumbi na área de Teorias da Comunicação e é fotógrafa nas horas vagas.