Huawei ameaça futuro econômico do Brasil, diz conselheiro dos EUA

Huawei ameaça futuro econômico do Brasil, diz conselheiro dos EUA
Huawei

O conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Robert O’Brien, manifestou seu receio quanto à possibilidade de a gigante da gigante das telecomunicações chinesa Huawei Technologies vencer o leilão para montar a rede 5G no Brasil.

O’Brien afirmou, em videoconferência com empresários na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), que a hipótese de a Huawei levar o 5G no País poderia abrir uma porta para a companhia acessar dados de governos e empresas.

“O Brasil é um país ‘high tech’, como Israel, Cingapura, países com indústria aeroespacial, de defesa, de mineração e tecnologia. Estamos preocupados que a China vai se voltar mais e mais para países como o Brasil”, afirmou o conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Video Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

lead suno background

“Especialmente se vocês tiverem a Huawei na sua rede 5G, haverá ‘backdoors’ e a capacidade de decifrar quase todos os dados que são gerados em qualquer lugar do Brasil, seja pelo governo, na frente de segurança nacional, seja por empresas privadas em suas habilidades de inovar e desenvolver novos produtos, técnicas e práticas”, acrescentou O’Brien.

Nesse sentido, o conselheiro afirmou que “o futuro do sucesso econômico do Brasil e dos EUA vai depender de nossos criadores conseguirem capitalizar e lucrar com suas ideias. A propriedade intelectual deve ser protegida, para encorajar mais inovação. Conter o roubo de propriedade intelectual, especialmente por parte da China, será um trabalho duro, mas crítico”.


“Estamos recomendando fortemente que nossos parceiros, incluindo o Brasil, usem apenas fornecedores confiáveis em sua rede de 5G”, destacou o representante norte-americano.

Bolsonaro considera banir Huawei de rede 5G do Brasil

Na última semana, a agência “Bloomberg” publicou uma matéria, citando um membro sênior do gabinete presidencial que informou que o presidente Jair Bolsonaro estaria considerando banir a Huawei do fornecimento de omponentes para a futura rede 5G do País.

Segundo a publicação, o mandatário vê a China como um ameaça global à privacidade de dados e soberania nacional. A decisão, no entanto, ainda não foi tomada e deve contemplar o ponto de vista de outros membros do gabinete. Apesar disso, de acordo com a agência, fica claro a desconfiança de Bolsonaro em relação à Huawei e ao maior parceiro comercial do Brasil.

Arthur Guimarães

Compartilhe sua opinião