Grupo Mateus, de varejo do Nordeste, protocola prospecto para IPO

Grupo Mateus, de varejo do Nordeste, protocola prospecto para IPO
O IPO do Grupo Mateus pode levantar até R$ 5 bilhões, segundo jornal

O Grupo Mateus, de varejo de atacado e atacado com atuação no Nordeste do Brasil, protocolou na noite da última sexta-feira (16) o prospecto preliminar de sua oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) na Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! cadastro feitocom sucesso.

lead suno background

Conforme informações publicadas na coluna de Mariana Barbosa e Rennan Setti, do jornal do “O Globo”, a o Grupo Mateus tentará captar R$ 4,1 bilhões em uma oferta primária, quando os recursos são destinados ao caixa da companhia, em outubro. Ainda segundo o veículo, a operação poderá chegar a R$ 5 bilhões caso os lotes adicional e suplementar forem vendidos.

A varejista maranhense é controlada somente por quatro acionistas: Ilson Mateus Rodrigues, Maria Barros Pinheiro, Ilson Mateus Rodrigues Junior e Denilson Pinheiro Rodrigues. O dinheiro levantado será investido na abertura de novas unidades.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Video Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

A oferta inicial de ações do grupo será coordenada pela XP Investimentos, que será líder da operação, o Bradesco BBI, como agente estabilizador, o BTG Pactual, o Itaú BBA, o BB Investimentos, o Santander e o Safra.

Grupo Mateus registra alta de 78% no lucro líquido do 2S20

Segundo prospecto, a empresa informou que obteve nos primeiro semestre deste ano uma receita de R$ 5,1 bilhões, crescimento de 27% em relação ao mesmo intervalo de 2019. Em igual período, o lucro líquido teve uma aumento de 78%, para R$ 297 milhões; enquanto o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) fechou em R$ 478 milhões, alta de 62% na comparação anual.

Além disso, o Grupo Mateus fechou o último mês de julho com 137 lojas físicas; sendo 29 atacarejos, 24 supermercados, 2 hipermercados, 66 lojas de eletroeletrônicos, 16 lojas de vizinhança e nove centros de distribuição. Os negócios são operados sob as bandeiras Mix Atacarejo, Supermercado Mateus, Eletro Mateus e Camiño Supermercados, além de uma plataforma própria de e-commerce.

Arthur Guimarães

Compartilhe sua opinião