Governo divulga edital de estudos para a concessão de 22 aeroportos

Governo divulga edital de estudos para a concessão de 22 aeroportos
Companhias aéreas suspendem voos para Irã e Iraque; confira a lista

Ministério da Infraestrutura lança edital de estudos da nova rodada de leilões que contemplam 22 aeroportos. O edital foi publicado no Diário Oficial da União (DOU).

De acordo com o documento, o leilão de aeroportos será organizado em três blocos:

  • Sul;
  • Norte;
  • Central.

A nova lista de privatizações foi divulgada logo após o leilão da última semana, onde 12 aeroportos, divididos nos blocos: Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste foram privatizados rendendo R$ 2,377 bilhões ao governo federal.

De acordo com o ministro de Infraestrutura, Tarcísio Freitas, é esperado que até setembro e 2020, os 22 aeroportos sejam privatizados. No entanto, Congonhas (SP) e Santos Dumont (RJ) ficarão para a última rodada, prevista para 2022.

Saiba mais: Governo de SP promete privatizar todos os aeroportos

Blocos e aeroportos

Conforme o edital publicado, os blocos possuem os seguintes aeroportos:

Bloco Sul

  • Curitiba (PR);
  • Foz do Iguaçu (PR);
  • Bacacheri (PR);
  • Londrina (PR);
  • Navegantes (SC);
  • Joinville (SC);
  • Pelotas (RS);
  • Uruguaiana (RS);
  • Bagé (RS);

Bloco Norte

  • Manaus (AM);
  • Porto Velho (RO);
  • Rio Branco (AC);
  • Cruzeiro do Sul (AC);
  • Tabatinga (AM);
  • Tefé (AM);
  • Boa Vista (RR).

Bloco Central

  • Goiânia (GO);
  • São Luís (MA);
  • Teresina (PI);
  • Palmas (TO);
  • Petrolina (PE);
  • Imperatriz (MA).

Último leilão

O governo federal arrecadou R$ 2,377 bilhões com a concessão de 12 aeroportos na última sexta-feira (15). O leilão foi dominado por empresas estrangeiras, segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

O valor é superior ao mínimo fixado pelo edital do leilão dos aeroportos em R$ 2,158 bilhões. O ágio médio foi de 986%. O valor de investimento nos aeroportos, esperado com o leilão, é de R$ 3,5 bilhões nos próximos 30 anos – vigência dos contratos.

Saiba mais: Aeroportos: Governo arrecada R$ 2,377 bi em leilão dominado por estrangeiros

Essa foi a quinta rodada do leilão, que concedeu aeroportos divididos em três blocos: Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste.

  • Nordeste: Recife (PE); Maceió (AL); João Pessoa (PB); Aracaju (SE); Juazeiro do Norte e Campina Grande (PB)
  • Sudeste: Vitória (ES) e Macaé (RJ)
  • Centro-Oeste: Cuiabá (MT); Sinop (MT); Rondonópolis (MT) e Alta Floresta (MT)

Renan Bandeira

Compartilhe sua opinião