Internacional

G20: Encontro de Trump e Xi Jinping é o mais esperado da reunião

0

O G20 começa nesta sexta-feira (28) em Osaka, no Japão e vai até sábado (29). Durante a reunião deverão ser discutidos os conflitos globais, principalmente as negociações entre China e Estados Unidos, as tensões entre EUA e Irã e acordo comercial entre Mercosul e União Europeia.

O G20 também será marcado pela primeira reunião entre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump e o presidente da China, Xi Jinping, neste ano. O último encontro entre os líderes aconteceu na edição passada do G20, em Buenos Aires, em 2018.

Nesta edição é aguardado um acerto entre os presidentes para que China e EUA cheguem a um acordo comercial, já que as tensões da guerra comercial entre os países gera preocupações sobre uma possível recessão da economia global. As negociações entre as potências econômicas começaram na última edição.

Na última quarta-feira (26), o presidente dos Estados Unidos afirmou ser “absolutamente possível” chegar a um acordo com a China.

Brasil no G20

O presidente Jair Bolsonaro foi para Osaka, no Japão, na última terça-feira (25), para participar do G20 e chegou nesta quinta-feira (27).

De acordo com o presidente, durante o G20 o Brasil vai tratar “das perspectivas para o comércio e os investimentos e de grandes temas da agenda mundial, como inovação, infraestrutura e novas matrizes energéticas”.

Saiba mais: Bolsonaro embarca para o Japão para participar do G20; Confira agenda

Além disso, Bolsonaro falou que vai apresentar da reunião “uma mensagem de abertura e de apoio à liberdade econômica. Marcaremos nossa posição em favor do sistema multilateral de comércio e apresentaremos, aos demais participantes, nossa agenda de reformas para reerguer a economia do nosso país”.

Agenda do presidente

Sexta-feira (28)

Pela manhã, o presidente deve acompanhar a audiência do presidente do Banco Mundial, David Malpass. Além disso, terá uma reunião informa do BRICS e um encontro bilateral com o presidente da China, Xi Jinping.

Ao meio-dia, a primeira sessão plenária da cúpula do G20 terá acesso. Depois disso, durante a tarde serão feitas reuniões paralelas entre os líderes sobre a economia digital e uma segunda sessão plenárias entre os líderes do G20. O dia será finalizado com um jantar oferecido pelo primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe.

Sábado (29)

Pela manhã, o presidente participará de uma reunião bilateral com o primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi. Depois disso, será feita uma reunião paralela entre os líderes para tratar do empoderamento das mulheres e uma terceira sessão plenária da cúpula do G20.

No meio do dia, Bolsonaro fará uma reunião bilateral com o líder da Arábia Saudita, Mohammed bin Salman, e após isso, terá a quarta sessão plenária da cúpula do G20.

Durante a tarde, acontecerá a sessão de encerramento do G20 e uma reunião bilateral com o primeiro-ministro de Singapura, Lee Hsien-Loong. Por volta das 18h, Bolsonaro embarca para o Brasil.

Compartilhe a sua opinião

Renan Bandeira
Renan Bandeira escreve sobre política e economia para o portal da Suno Research. Antes da Suno, trabalhou em uma rede de televisão, onde fazia reportagens sobre os mesmos temas. Estuda na Universidade Metodista de São Paulo.