Negócios

Fiat Chrysler negocia joint venture com fornecedora da Apple e da Samsung

0

A Fiat Chrysler Automobiles (FCA) comunicou que está em negociações com a Foxconn, fornecedora de peças da Apple e da Samsung. O objetivo é criar uma joint venture para desenvolver veículos elétricos. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (17).

A Foxconn, que está em negociação com a Fiat, é a maior fabricante de itens eletrônicos do mundo. A empresa fica sediada em Taiwan e também fornece peças para a Intel.

De acordo com um comunicado da FCA, as empresas estão “perto de assinar um acordo preliminar que guiará outras discussões destinadas a chegar a acordos definitivos nos próximos meses”.

A ideia inicial é que a FCA cuidará da fabricação e a empresa de tecnologia de Taiwan administrará a parte de software. Vale destacar que a Fiat Chrysler não investiu tão cedo na adoção de tecnologia para veículos elétricos. Isso porque empresas concorrentes como a Chevrolet, a Renault e a Ford já têm projetos mais adiantados nesse âmbito.

Veja também: Azul assina contrato para aquisição de 75 aeronaves da Embraer

Veículos elétricos estão ganhando cada vez mais espaço no mercado. No ano passado, as vendas dessa categoria aumentaram 6% em relação ao ano anterior.

Fusão entre Fiat e PSA

A italiana Fiat Chrysler e a francesa PSA, empresa mãe da Peugeot e da Citroen, anunciaram, ao final do ano passado, que chegaram a um acordo de fusão, avaliado em US$ 50 bilhões. Com a confirmação do negócio, a nova empresa deverá ser a quarta maior montadora do mundo. O faturamento estimado é de 170 bilhões de euros.

A nova companhia ainda não possui nome definido e terá sob seu comando as marcas:

  • Fiat
  • Jeep
  • Peugeot
  • Citroen

As fabricantes ainda não anunciaram se as operações brasileiras serão impactadas pela fusão das empresas. O negócio entre as empresas inclui carros de luxo, SUVs, picapes e comerciais leves. Dessa forma, a nova montadora irá atender desde demandas de carros populares até os carros da categoria “premium”. A sede da controladora do grupo ficará na Holanda. O atual presidente da Fiat Chrysler, John Elkann, será o presidente da nova companhia.

Telegram Suno

Compartilhe a sua opinião

Juliano Passaro
Juliano Passaro escreve sobre política, economia e negócios para o portal da Suno Research. Antes da Suno, trabalhou no Portal da Band. É formado em jornalismo pela Universidade Presbiteriana Mackenzie.