Economia

Presidente Bolsonaro tem duas alternativas para liberar saque do FGTS

0

O presidente da República, Jair Bolsonaro, deverá decidir nesta quinta-feira (18) entre duas opções de medidas para saques do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

A primeira medida seria sacar o FGTS de contas ativas e inativas no mês de seu aniversário, no entanto, haveria percentual limite. A segunda opção é similar a operação do ex-presidente Michel Temer de liberar saques apenas a contas inativas.

Conforme os técnicos da equipe econômica, qualquer uma das medidas que serão escolhidas pelo presidente, injetarão R$ 42 bilhões na economia nacional. Além disso, os técnicos reiteram que “os percentuais serão escalonados. Quem tiver menos na conta sacará mais, e quem tiver mais dinheiro terá direito a um percentual menor”.

As contas ativas são as que recebem regularmente depósitos mensais efetuados pelo empregador. Por sua vez, contas inativas são as que não recebem mais os depósitos devido à rescisão do contrato de trabalho.

Saiba Mais: Governo Federal vai liberar R$ 42 bilhões do FGTS

Ademais, o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou na última quarta-feira (17), que as regras de liberação do PIS/Pasep também serão divulgados nesta quinta e estima-se cerca de R$21 bilhões. Dessa forma, a somatória entre a liberação do FGTS e do PIS/Pasep é equivalente a R$ 63 bilhões impulsionando a economia.

“É uma pequena injeção na economia e é bem-vindo, porque a economia, segundo especialistas, dá sinal de recuperação pelos sinais positivos, em especial porque está vindo do Parlamento”, disse Bolsonaro.

Saques do FGTS

Conforme as informações divulgadas pelo jornal Estado de S. Paulo, os saques devem ocorrer na seguinte proporção:

  • R$ 5 mil no FGTS, sacará 35% do saldo;
  • até R$10 no fundo, sacará  30% do total;
  • acima de R$ 50 mil, sacará 10%.

Os valores entre R$10 mil e R$ 50 mil ainda não possuem percentual de saque definido. O calendário da liberação para saque será feito a partir da data de aniversário dos trabalhadores.

É possível consultar o saldo do FGTS por meio do site da Caixa Econômica Federal através do número NIS/PIS, localizado na Carteira de Trabalho.

Compartilhe a sua opinião

Poliana Santos
Poliana Santos escreve sobre economia e política para o portal Suno Notícias. Antes, colaborou na Rádio Gazeta AM, onde era responsável pela produção do programa Bom Dia Gazeta. É estudante da Faculdade Cásper Líbero.