Ecorodovias (ECOR3) registra queda de 19,3% no tráfego com pandemia

Ecorodovias (ECOR3) registra queda de 19,3% no tráfego com pandemia
A EcoRodovias (ECOR3) apresentou, na manhã desta terça-feira (6), números prévios de tráfego em suas rodovias.

A Ecorodovias (ECOR3), em função da pandemia de coronavírus (Covid-19), apresentou seus números prévios consolidados da evolução do tráfego entre 16 de março e 30 de junho de 2020. O volume de veículos teve queda de 19,3%, em relação ao intervalo de 18 de março a 2 de junho de 2019.

A companhia informou que os resultados apresentados são gerenciais e estão sujeitos a revisão. No acumulado do ano até junho, a queda foi de 6,9%.  

A Ecorodovias afirmou estar “atuando proativamente, em coordenação com governos e órgãos reguladores, com o objetivo de endereçar da melhor forma possível o impacto da crise sobre seus colaboradores, seus usuários e suas operações”.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Video Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

Ecorodovias reporta alta de 23% no lucro líquido do 1T20

A Ecorodovias reportou na última segunda-feira (29) um crescimento de 23% no lucro líquido referente ao primeiro trimestre deste ano, para R$ 103,3 milhões.

A companhia de infra-estrutura focada na operação de concessões rodoviárias informou em documento que o resultado refletiu a entrada de novas concessões na base da Ecorodovias, como a Eco135 e a Eco050 em abril e maio de 2019.

O lucro antes de impostos, juros, depreciações e amortização (Ebitda) da empresa pró-forma subiu 17,8% na comparação anualizada e somou R$ 530,4 milhões. Enquanto, a margem Ebitda pró-forma teve crescimento de 1,3 ponto percentual, para 69,1%.

A receita líquida pró-forma da companhia atingiu o patamar de R$ 768 milhões nos primeiros três meses de 2020, o que corresponde a uma variação positiva 15,6% ante os R$ 664,4 milhões obtidos no mesmo período do ano anterior.

Em relação à epidemia do novo coronavírus, a Ecorodovias comunicou que “vem tomando medidas preventivas e mitigatórias em linha com os direcionadores estabelecidos pelas autoridades de saúde visando minimizar, tanto quanto possível, o simpactos decorrentes da pandemia no que se refere à segurança das pessoas e à continuidade de seus negócios.”

Veja Também: Ecorodovias (ECOR3) estuda follow-on se bem sucedida em leilão

A companhia ainda informou que diversas medidas estabelecidas pelos governos e pelo setor privado tiveram impactos significativos nos negócios da Ecorodovias. A empresa salientou que está atuando em coordenação com o governos e órgãos reguladores e adota medidas para mitigar os efeitos do cenário.

Poliana Santos

Compartilhe sua opinião