Cosan (CSAN3) suspende IPO da Compass

Cosan (CSAN3) suspende IPO da Compass
A Cosan S.A. (CSAN3) informou que suspendeu a Oferta Pública Inicial (IPO) da controlada Compass Gás e Energia. Clique aqui para saber mais.

A Cosan S.A. (CSAN3) informou nesta segunda-feira (28) que suspendeu a Oferta Pública Inicial (IPO) da controlada Compass Gás e Energia.  O anúncio da abertura de capital da controlada tinha sido realizado no começo de agosto.

A Cosan alegou que o IPO foi suspenso por causa do nível insatisfatório da demanda, mesmo se o número de ordens era suficiente para atender a oferta. Entretanto, a empresa considerou que a demanda não garantiria uma boa negociação do papel.

O bookbuilding da Compass, aberto há duas semanas, tinha tido inicialmente um bom fluxo de ordens. Entretanto, o interesse para a empresa se reduziu rapidamente, principalmente por causa do cenário externo desfavorável.

No Suno One você aprende a fazer seu dinheiro trabalhar para você. Cadastre-se gratuitamente agora!

Segundo o prospecto, a faixa indicativa de preço do IPO da Compass Gás tinha ficado entre R$ 25,50 e R$ 31,50. Já as negociações no Novo Mercado da Bolsa de Valores de São Paulo (B3) eram previstas para começarem no dia 30 deste mês.

Após o IPO, a Cosan projetava novas operações

O objetivo da Cosan era de levantar R$ 4,4  bilhões para a Compass com o IPO, que iria ser 100% primário. A empresa foi criada para realizar investimentos no setor de gás e energia, e mesmo após a abertura de capital a Cosan iria ficar com 80% da Compass.

A empresa planejava usar os recursos líquidos da operação para potenciais aquisições de negócios, bem como investimentos em privatizações considerados estratégicos para consolidação de ativos de distribuição de gás (80%) e reforço da sua estrutura de capital (20%).

A Compass atua nos segmentos de distribuição de gás natural, através da Comgás; infraestrutura e originação de gás, acessando a oferta de gás do pré-sal e importando GNL; comercialização de gás; e geração térmica a gás e trading de energia elétrica.

O último aumento de capital realizado pela Compass foi feito em 30 de janeiro deste ano, quando Marcelo Faria Parodi e Ritchie Guder subscreveram 6.222.650 ações, ou preço de R$ 12,05 cada.

Saiba mais: Cosan (CSAN3) apresenta pedido de IPO da Compass

Esse é o terceiro IPO cancelado em poucos dias. Além da Compass, a Caixa Seguridade e o BR Partners também cancelaram suas aberturas de capitais, alegando baixa demanda. O cancelamento da operação da subsidiária da Cosan poderia dar um sinal negativo para as dezenas de IPOs aguardados pelo mercado.

Carlo Cauti

Compartilhe sua opinião