Negócios

Coronavírus: Fiat registra queda de 10% nas vendas nos EUA

0

A Fiat Chrysler informou nesta quarta-feira (1) que suas vendas registraram queda de 10% nos automóveis nos Estados Unidos nos primeiros meses em razão da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Ao todo, nos primeiros três meses do ano de 2020, a Fiat vendeu 446.768 veículos. No mesmo período no ano anterior a montadora vendeu 498.425 unidades. A pandemia do coronavírus reduziu a confiança do consumidor e fechou as concessionárias dos EUA.

A Fiat teme ainda mais pelo próximo mês, à medida que as orientações de isolamento social permanecem em vigor. A montadora analisa que os dois primeiros meses do ano foram anulados devido ao impacto econômico da covid-19.

Fiat pode suspender as operações na Europa por causa do coronavírus

A Fiat pode suspender as operações de uma fábrica na Europa por conta da falta de peças oriundas da China, que estão em falta por causa do surto de coronavírus no país asiático.

Caso a Fiat pare de operar uma de suas fábricas na Europa, será a primeira paralisação de uma fábrica, no velho continente, em razão do surto de coronavírus.

Em entrevista ao jornal “Financial Times”, o executivo-chefe da Fiat, Mike Manley, afirmou que quatro fornecedores que estão situados na China foram atingidos pelo surto de coronavírus no país. Um desses fornecedores seria de grande importância, o que estaria fazendo com que a produção da Fiat caísse bruscamente. “Temos um alto risco de fornecimento no momento que foi identificado”, afirmou o executivo ao “Financial Times”.

Lucro líquido de 1,5 bilhão de euros no 4T19

A Fiat registrou um lucro líquido de 1,5 bilhão de euros (R$ 7,03 bilhões) no quarto trimestre de 2019. Trata-se de um aumento de 35% em comparação com o mesmo período no ano de 2018, quando foi registrado 1,1 bilhão de euros.

Por sua vez, o lucro operacional, teve alta de 7,1%, para 1,5 bilhão de euros no quarto trimestre. Segundo a Fiat, esse aumento foi devido as suas operações que registraram forte desempenho na América do Norte e na América Latina.

A receita da Fiat totalizou 29,6 bilhões de euros, em comparação com o mesmo período do ano de 2018, esse valor corresponde a uma alta de 0,6%. O Ebit ajustado (lucro antes de juros e impostos) ficou em 2,1 bilhões de euros. No ano de 2019, o Ebit somou 6,67 bilhões de euros.

Telegram Suno

Compartilhe a sua opinião

Poliana Santos
Poliana Santos escreve sobre economia e política para o portal Suno Notícias. Antes, colaborou na Rádio Gazeta AM, onde era responsável pela produção do programa Bom Dia Gazeta. É estudante da Faculdade Cásper Líbero.