CoronaVac: resultado de testes da vacina sairá em 30 dias, diz Doria

CoronaVac: resultado de testes da vacina sairá em 30 dias, diz Doria
Segundo Doria, os primeiros resultados da eficiência da vacina de Covid-19 chamada de Coronavac, serão anunciados "já nos próximos 30 dias".

O atual governador de São Paulo, João Doria (PDSB) voltou a afirmar que os primeiros resultados dos testes da vacina contra o novo coronavírus (Covid-19), chamada de CoronaVac, serão anunciados “já nos próximos trinta dias”. A afirmação aconteceu nessa segunda-feira (28) enquanto o político participava de uma coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes.

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! cadastro feitocom sucesso.

lead suno background

Nesse sentido, o governador projeta que os testes da terceira fase da  vacina, que está sendo desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac  em parceria com o Instituto Butatan, cheguem ao fim até o dia 13 de outubro.

Além disso, Doria prevê que cerca de 46 milhões de doses do imunizante estejam disponíveis à população paulista até dezembro desse ano, sendo que nesse cenário, com os o resultados dos testes publicados, o início do processo de vacinação contra o novo vírus dependeria da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Video Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

Frente a isso, Doria ressaltou que “confiamos na capacidade técnica e isenta da Anvisa, sem nenhum viés político ou ideológico”.

São Paulo deve receber 5 milhões de doses da vacina

Na última semana, o político havia comentado sobre a CoronaVac, e destacou através de suas redes sociais que o estado deve receber, no próximo mês, cerca de 5 milhões de doses do imunizante.

Na ocasião, Doria sinalizou sua previsão de 46 milhões de doses da vacina até o fim do ano. Vale destacar que a CoronaVac já está na fase 3 de testes, ou seja, já está na última fase necessária para ser aprovada. Além disso, essa etapa contou com 9 mil voluntários.

Em sua publicação no Facebook (NASDAQ: FB), Doria apontou que “importante ressaltar que o acordo com a Sinovac inclui a transferência de tecnologia para São Paulo, sendo assim, também produziremos a vacina no Instituto Butantan. Uma grande conquista para o Brasil. Os testes continuam com os médicos e enfermeiros voluntários em seis estados e, em breve, se tudo correr como planejado, poderemos imunizar milhões de brasileiros. Vacina simboliza a esperança, a certeza de que tudo isso vai passar”.

Laura Moutinho

Compartilhe sua opinião