Economia

Consultoria diminui previsão de safra de soja por causa da seca

0

A consultoria Datagro diminuiu a safra de soja de 2018/19 para 113 milhões de toneladas.

Com isso, a safra de soja sofrerá uma redução de 10 milhões de toneladas na comparação com a última previsão, ocorrida em dezembro.

Saiba mais: Associação reduz expectativas para safra e exportação de soja em 2019

Na ocasião, a consultoria previa uma safra recorde de 125 milhões de toneladas em clima favorável.

Porém, a falta de chuvas e o calor afetaram importantes áreas produtoras, como Mato Grosso, o que motivou a queda.

Caso o número seja confirmado, a produção de soja do Brasil caíra 5% na comparação com a temporada anterior. O País é o maior exportador do grão do mundo.

Saiba mais: Exportações do agronegócio batem recorde e ultrapassam US$ 100 bi

Até semana passada, os produtores tinham colhido 12,5% da safra, informa a Datagro.

Milho

Em compensação, a produção do milho apresenta melhor desempenho, apesar de reduções nas estimativas.

Em 2018/19, a produção deverá chegar 93,649 milhões de toneladas, alta de 15% sobre 2017/18. No período, uma seca atingiu as lavouras.

Outras consultorias

Outras consultorias também rebaixaram a safra da soja em 2018/19.

Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove) reduziu em 2,5% as previsões ante a última análise divulgada em dezembro.

De acordo com a associação, a safra deverá somar 117,9 milhões de toneladas em 2019.

A piora no clima motivou a queda.

Além disso, a Aviove também cortou o faturamento de exportação de 34,2 bilhões na previsão de dezembro para 32,75 bilhões de dólares.

Saiba mais: Concorrente sobe mais de 17% em NY com corte de produção da Vale 

Agroconsult avalia que a quebra na sabra do Paraná e de Mato Grosso do Sul supera os 10% em cada estado. Os dois são, respectivamente, o segundo e o quinto maiores produtores do Brasil.

Além disso, Departamento de Economia Rural (Deral), do governo do Paraná, reduziu em 12% sua expectativa para a colheita deste ano.

Até agora, a Agroconsult estima uma colheita de 117,6 milhões de toneladas de soja, segundo maior volume da história atrás apenas do recorde de 119,3 milhões do ano passado. Porém, eram previstos 120 milhões se o clima não desfavorecesse as colheitas.

Compartilhe a sua opinião

Renan Dantas
Escreve sobre política e mercado financeiro para o portal Suno Notícias. Antes, atuou na assessoria de comunicação do Ministério Público do Trabalho e na Rádio Mackenzie, onde apresentava e produzia um programa sobre artistas da música brasileira. É estudante na Universidade Presbiteriana Mackenzie.